Mais um áudio do presidente Bolsonaro foi vazado na imprensa e revela conversa comprometedora com o ministro Onyx Lorenzoni. Nele, o Chefe de Estado pede que ele faça uma negociação com Gustavo Bebianno para que ele acabe com os ataques na mídia e não faça cobrança dos honorários.

Áudio de presidente Bolsonaro é vazado e revela conversa comprometedora com Onyx (foto: internet)
Áudio de presidente Bolsonaro é vazado e revela conversa comprometedora com Onyx (foto: internet)

Siga A Folha Hoje no Google News – Clique Aqui!

Áudio de Bolsonaro com Onyx


RELACIONADAS



Mais um áudio de Bolsonaro foi vazado na imprensa. Nele, o presidente conversa com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e pede para que ele faça um acordo com o e-ministro Gustavo Bebianno.

Loading...

Além de ser ex-ministro, Bebianno também é um dos advogados do presidente e o representa em alguns processos judiciais. Durante o diálogo, Bolsonaro parece preocupado e chega a afirmar que “Se ele me cobrar individualmente o mínimo, eu estou fodido. Tem que vender uma casa minha para poder pagar”.

Áudio de presidente Bolsonaro é vazado e revela conversa comprometedora com Onyx (foto: internet)
Áudio de presidente Bolsonaro é vazado e revela conversa comprometedora com Onyx (foto: internet)

Leia Também:

Loading...

Bolsonaro se reúne com Ministro do Turismo envolvido em caso de laranjas

Presidente Bolsonaro gera polêmica ao considerar Globo como inimiga e emissora revida

Negociação de Lorenzoni

O jornal O Globo publicou no seu portal o áudio comprometedor da conversa entre o presidente Bolsonaro e o ministro Onyx Lorenzoni. Durante a conversação, fica evidente que a pedido de Bolsonaro, Lorenzoni está negociando uma espécie de armistício com o ex-ministro Bebianno.

Lorenzoni afirma que Bebianno estaria reunindo provas sobre a campanha de Bolsonaro e do seu período no governo para atacar Bolsonaro. Além disso, Lorenzoni garante ao presidente que conversou com Bebianno e impediu que ele continuasse com a investigação e fizesse declarações na mídia.

Loading...

Declaração de Bebianno

Em resposta ao áudio vazado pela imprensa, Bebianno afirmou para o jornal O Globo que não irá fazer a cobrança das ações judiciais. Segundo o ex-ministro, ele realizou a defesa de Bolsonaro porque acreditava na causa, e que o presidente não deve nada para ele ou para os demais advogados envolvidos.

É importante destacar que esse é o segundo escândalo consecutivo envolvendo vazamento de conversas de Bolsonaro. O primeiro divulgado foi de uma conversa entre Bebianno e Bolsonaro, após o ex-ministro ter sido chamado de mentiroso por Carlos Bolsonaro no Twitter.

No entanto, o impacto deste último, aúdio com Lorenzoni revelou ser mais grave, pois ocorreu no mesmo dia em que o presidente apresentou a proposta de reforma da Previdência. Isso sem dúvida, desestabilizou a força do governo na Câmara.

Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui