Auxílio emergencial: 1,7 milhões recebem benefício da Caixa nesta quinta
Segundo a instituição, o lote de pagamentos é destinado aos microempreendedores individuais (MEIs), contribuintes do INSS e informais que não tinham nenhum cadastro no governo federal.
Por: Raquel Luciano / 30 de Abril de 2020 às 14:23:37

[spns_amp_optin subscribe='Assistir Notícias Ao Vivo' unsubscribe='Remover inscrição']

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quinta-feira (30) o auxílio emergencial para 1,7 milhão de pessoas que se inscreveram através do aplicativo ou no site oficial.

Segundo a instituição, o lote de pagamentos é destinado aos microempreendedores individuais (MEIs), contribuintes do INSS e informais que não tinham nenhum cadastro no governo federal.

Os beneficiários do auxílio emergencial deste grupo totalizam R$ 1,1 bilhão, onde R$ 920 milhões serão creditados em contas da Caixa e R$ 211 milhões em contas de outros bancos.

Além deste grupo, o auxílio emergencial será entregue para 1,9 milhões de pessoas cadastradas no Bolsa Família.

Saques do auxílio emergencial da poupança digital foi liberado
Auxílio emergencial: 1,7 milhões recebem benefício da Caixa nesta quinta – Foto: Divulgação

Na última segunda-feira (28), a Caixa liberou o saque do auxílio emergencial depositados na poupança digital.



Mas, para evitar aglomerações nas agências, o banco estabeleceu um calendário para que os trabalhadores saquem (em dinheiro):

  • Segunda-feira (27 de abril) –para os nascidos em janeiro e fevereiro
  • Terça-feira (28 de abril) –para os nascidos em março e abril
  • Quarta-feira (29 de abril) –para os nascidos em maio e junho
  • Quinta-feira (30 de abril)–para os nascidos julho e agosto
  • Segunda-feira (04 de maio) –para os nascidos em setembro e outubro
  • Terça-feira (05 de maio)– para os nascidos em novembro e dezembro

Para quem não quiser realizar o saque, pelo aplicativo Caixa Tem o trabalhador poderá realizar pagamento ou transferência para outras contas.

Essa são opções mais viáveis visto que, apesar do calendário acima, feito pela Caixa para evita o número grande de pessoas nas agências, mas não é isso que vemos a cada dia.

Ou seja, filas quilométricas estão tomando conta das agências, onde pessoas desprotegidas ficar correndo risco de contrair o coronavírus.

Quem tem direito ao auxílio emergencial?
Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial

Durante o período de três meses será concedido benefício de R$ 600 ao trabalhador que cumpra os seguintes requisitos:

  • Maior de 18 anos;
  • Que não tenha emprego formal;
  • Não ser cadastro em nenhum programa social;
  • Renda mensal per capita de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos;

Como solicitar o auxílio emergencial?

Mas, como solicitar o auxílio emergencial? Veja abaixo o passo a passo:

  • Acesse aqui para entrar pelo site da Caixa Emergencial ou baixe o aplicativo para celulares Android ou iOS;
  • Em seguida, são mostrados os requisitos necessários para ter direito ao auxílio emergencial de R$600 a R$1.200;
  • Preencha os dados como nome completo, CPF, data de nascimento e um número do celular para recebimento de um código de verificação por SMS;
  • Assim chegar por SMS, o código de verificação deve ser colocado no campo “código recebido”;
  • Feito isso, informe a renda, o ramo de atividade (as opções oferecidas pelo sistema são Agricultura e Pecuária, Extrativismo/Pesca, Comércio, Produção de Mercadorias, Prestação de serviços, Trabalho Doméstico, Outros), estado e cidade;
  • Em seguida, escolha se quer receber em conta já existente ou criar uma poupança digital;
  • Em seguida, confira os dados, e na tela final, veja o aviso de que o pedido do auxílio emergencial está em análise.

Postado por: Raquel Luciano
Jornalista com experiência na produção de conteúdo para diversos canais de informação espalhados pelo Brasil. E-mail: rachell.luciano@gmail.com

Load more

Notícias relacionadas

Receba nossas notícias NO CELULAR

Receba nossas NEWSLETTER

Futebol ao Vivo Receita Notícias Futebol ao Vivo