Nesta segunda-feira, 04 de maio, o Ministério Público Federal concedeu o prazo de 05 dias para que o Ministério da Cidadania explique as “dificuldades” referentes a liberação do Auxílio Emergencial. O valor de R$ 600 destina-se ao enfrentamento da pandemia ocasionada pelo novo Coronavírus.

Através de ofício encaminhado ao Ministério da Cidadania, a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão solicitou explicações acerca da data de referência. A qual é utilizada pelo governo federal para realizar exame do vínculo formal de emprego das pessoas que receberam a primeira parcela do benefício, em abril.


RELACIONADAS



Além disso, os procuradores questionam sobre o procedimento para as pessoas que perderam o emprego depois dessa data de referência e não tenham direito ao recebimento do seguro desemprego. Bem como, sobre as regras para analisar os recursos e o tempo médio de resposta para os três grupos especificado a seguir:

Loading...
  • Beneficiários do Bolsa Família;
  • Inscritos no Cadastro Único e não beneficiários do Bolsa Família;
  • E não inscritos no Cadastro Único.

Ainda deverá ser informado pelo Ministério da Cidadania quantas pessoas tiveram a solicitação negada e qual o motivo. Assim como deverá fornecer informações acerca de possível restrição à concessão do Auxílio Emergencial para familiares de pessoas abrigadas em instituições de longa permanência, a exemplo de presídios, abrigos, etc…

Como realizar o saque do Auxílio Emergencial

Auxílio emergencial: MPF solicita ‘esclarecimento’ do governo
Auxílio emergencial: MPF solicita ‘esclarecimento’ do governo – Foto: A tarde

Primeiramente, para realizar o saque não será necessário utilizar nenhum cartão, a transação será realizada por meio de um código gerado pelo aplicativo Caixa Tem. O app está disponível para celulares com sistemas Android e iOS. Contudo, vale destacar que é diferente do aplicativo utilizado para realizar a solicitação do Auxílio emergencial.

Loading...

Além disso, para a opção de gerar o código para saque aparecer, deve-se atualizar o aplicativo. Veja abaixo como fazer para gerar o código, segundo o G1:

  1. Atualizeo aplicativo Caixa TEM
  2. Depois de atualizar, acesse o aplicativo e selecione a opção “Saque sem cartão”
  3. Aperte a tecla “Entrar” e escolha a opção “Saque Auxílio Emergencial”
  4. Agora clique em “Gerar código para Saque”
  5. Digite sua senha de acesso ao Caixa TEM
  6. Após colocar a senha, um código será gerado – ele terá validade de 2 horas
  7. Anote o código e vá até um caixa eletrônico ou na lotérica
  8. Se optar pelo caixa eletrônico, digite o código no campo específico
  9. Se optar pela lotérica, é só informar o código ao atendente

Contudo, o Auxílio é depositado na conta da pessoa beneficiada, independente do saque tipo de saque. Além disso, a conta para depósito pode ser a poupança digital ou outra conta já existente, a qual a pessoa indica na hora que faz a solicitação do Auxílio emergencial.

Por fim, vale ressaltar, que quem recebe o benefício em uma conta pessoal que já existe, não possui nenhuma restrição para realizar o saque.

Loading...

Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui