27 de Maio de 2019, atualizado ás 13:05

Bolsonaro volta atrás e diz que exagerou ao chamar estudantes de “idiotas úteis”



Por: Raquel Luciano | Política

Compartilhar:
         

O presidente Jair Bolsonaro voltou atrás e disse que exagerou ao chamar estudantes de “idiotas úteis” durante a manifestação do último dia 15 de maio.

Siga A Folha Hoje no Google News – Clique Aqui!

Essa informação foi dada por Bolsonaro no domingo (26), em entrevista à Record.

A manifestação cobrava do governo medidas contrária ao corte de investimento ao setor da educação, e perguntando sobre o que Bolsonaro achava disto, ele chamou os manifestantes de “idiotas úteis”.

Bolsonaro volta atrás e diz que exagerou ao chamar estudantes de “idiotas úteis” (Foto: Palácio do Planalto)

Ele também disse que os estudantes eram “massa de manobra” e manipulados por uma minoria.

Agora, para ele, o correto é chamá-los de “inocentes úteis”.

“Eu exagerei, concordo, exagerei. O certo é inocentes úteis. São garotos inocentes, nem sabiam o que estavam fazendo lá. Na teoria, usa-se a inocência das pessoas para atingir o objetivo. Uma vez atingido, as primeiras vítimas são exatamente essas pessoas. Então, a garotada foi na rua contra corte na educação. Não houve corte, houve contingenciamento. Eu deixei de gastar, não tirei dinheiro”


Raquel Luciano

Jornalista com experiência na produção de conteúdo para diversos canais de informação espalhados pelo Brasil. E-mail: rachell.luciano@gmail.com

     

0 Comentários