Buscando harmonia com STF, Bolsonaro envia mensagem à Toffoli
Em decorrência da tensão vivenciada com o Supremo Tribunal Federal, Jair Bolsonaro encaminha mensagem em tom de conciliação para Toffoli.
Por: Anderson Gomes / 23 de Abril de 2020 às 09:31:05

[spns_amp_optin subscribe='Assistir Notícias Ao Vivo' unsubscribe='Remover inscrição']

Tentando instalar harmonia na relação com o Supremo Tribunal Federal – STF, o presidente Jair Bolsonaro enviou uma mensagem de texto ao Ministro Dias Toffoli. Tendo em vista o mal-estar causado pela participação de Bolsonaro em manifestação que defendia a Intervenção Militar. Bem como a flexibilização do isolamento social frente a pandemia da COVID-19.

O whatsapp foi o aplicativo utilizado para encaminhamento da mensagem. Sendo que o texto não apresenta indicativos de autoria e ainda trata o presidente da república em terceira pessoa. No entanto, o conteúdo expressa um pedido para que as pessoas deixem de atacar o Congresso e ao Supremo.

Assim como, o texto afirma que Jair Bolsonaro não seguiria no cargo, no caso de haver mudança no atual regime democrático: “Aqueles que pedem Intervenção Militar (Art. 142) ANTES, devem decidir qual General ocupará a cadeira do Capitão Jair Bolsonaro. Aqueles que pedem AI-5 ANTES, devem mostrar onde está na Constituição tal dispositivo”.

Mais sobre a relação de Bolsonaro e Dias Toffoli
Buscando harmonia com STF, Bolsonaro envia mensagem à Toffoli – Foto: O Globo

O presidente Jair Bolsonaro, até então, possui boa relação com Toffoli. No entanto, o presidente do STF ficou incomodado com a participação de Bolsonaro na manifestação de domingo (19/04). E com isso externou sua posição diante dos ministros do governo. 



A referida participação do presidente da república, inclusive, foi alvo de duras críticas. Contudo, o envio da mensagem conciliatória foi interpretado como uma tentativa de minimizar os efeitos negativos do seu ato, pacificando a relação ente os Poderes.

Contudo, o texto da mensagem salienta ainda que todo protesto é justo e garantido pela Constituição, no entanto solicita que a militância vá as ruas “mas tenham uma pauta real, objetiva, com foco na missão”.

Bolsonaro complementa com as orientações: “Exijam ações, cobrem votações, critiquem sentenças, vocês atingirão seus objetivos”. “O próprio Presidente tem dito que deve lealdade ao povo, assim como as Forças Armadas”.

Por fim, a mensagem é concluída: ‘Contem com o seu Presidente para fazer tudo aquilo que for necessário para que nós possamos manter a nossa democracia e garantir aquilo que há de mais sagrado para nós, que é a nossa liberdade.


Postado por: Anderson Gomes
Sou redator e professor de Física, curto uma boa música, games e, acima de tudo, estar com minha família.

Load more

Notícias relacionadas

Receba nossas notícias NO CELULAR

Receba nossas NEWSLETTER

Futebol ao Vivo Receita Notícias Futebol ao Vivo