Como um casal transformou a paixão por viajar em trabalho por tempo integral

 

Tudo começou em 2011 numa viagem pela América do Sul. Marta Kulesza tinha acabado de se graduar em Jornalismo e Publicidade.

Wharariki Beach, Nova Zelandia
Wharariki Beach, Nova Zelandia

Jack Bolshaw, que hoje é o marido dela, tinha acabado de se formar em Física e Matemática e estava pensando em ir para o Reino Unido para fazer mestrado em Matemática Financeira. Eles nem imaginavam onde a paixão por viajar os levaria!

Smutwood Peak, Canada
Smutwood Peak, Canada (imagem: reprodução/internet)

Enquanto estavam na América do Sul, o casal fez o papel do ‘bom turista’, tirando fotos e publicando elas no Facebook. Como todos os outros mochileiros costumam fazer, a Marta criou um blog com histórias para seus amigos e parentes.

Como um casal transformou a paixão por viajar em trabalho por tempo integral
Como um casal transformou a paixão por viajar em trabalho por tempo integral (imagem: reprodução/internet)

A paixão por viajar começa a tomar forma

Aos poucos, eles aprimoraram suas fotos e redação, mas eles ainda tinham bem poucos visitantes no blog. Então, assim acabou o dinheiro, eles se mudamos para a Alemanha e começamos a economizar para seu próximo destino: a Nova Zelândia!

The Neck, Bruny Island, Tasmania
The Neck, Bruny Island, Tasmania (imagem: reprodução/internet)

De repente surgiu um insight: eles perceberam que, se quisessem construir uma boa audiência no site, teriam de escrever sobre assuntos que interessassem um público específico; não apenas para os amigos.

Baita Segantini, Italia
Baita Segantini, Italia (imagem: reprodução/internet)

Antes, Marta e Jack usavam guias de viagem impressos, mas eles perceberam que poderiam criar um guia diferente, mais atraente e moderno.

Ben Lomond, Nova Zelandia
Ben Lomond, Nova Zelandia (imagem: reprodução/internet)

Guias visuais: surgem uma ideia inovadora!

Depois de viajar pela Nova Zelândia por um ano, Marta e Jack já sabiam o que as pessoas se perguntavam sobre esse tipo de viagem. Era a mesma informação que eles procuravam nos dias anteriores à viagem. Daí, os dois começaram a fazer guias de viagem detalhados com fotos, informações sobre roteiros e dicas gerais sobre turismo.

Coromandel Peak, Nova Zelandia
Coromandel Peak, Nova Zelandia (imagem: reprodução/internet)

Eles decidiram entregar o máximo de informação possível nos artigos que publicaram. Como gostam muito de caminhadas e de fotografia, eles publicaram dicas úteis sobre como explorar algumas regiões. Daí em diante o casal consolidou a ideia de criar roteiros de viagens focados em fotografia.

Lago di Misurina, Italia
Lago di Misurina, Italia (imagem: reprodução/internet)

Com o tempo, os artigos deles começaram a atingir as principais páginas de resposta do Google e o tráfego para o site aumentou consideravelmente. A paixão por viajar se tornou realidade! Mas eles ainda trabalhavam como empregados, pois o tráfego não gerava lucro.

Dettifoss, Islandia
Dettifoss, Islandia (imagem: reprodução/internet)

Marta e Jack achavam que anúncios de página poderiam prejudicar a experiência do usuário e, devido a isso, decidiram não os incluir no site.

Berg Lake, Canada
Berg Lake, Canada (imagem: reprodução/internet)

Como o marketing de afiliados os ajudou

O momento mais crucial foi quando o casal começou a aprender sobre marketing de afiliados. Como eles usavam em primeira mão alguns tipos de serviços, o site começou a se tornar uma referência de quem conhecia o que promovia. Nesse ponto é os que os links de afiliados dos dois começaram a ter um bom retorno com o tráfego mais qualificado do site.

Casal em viagem pelo mundo
Casal em viagem pelo mundo (imagem: reprodução/internet)

Em fevereiro de 2017, Marta decidiu focar apenas no site e Jack, seu primeiro ‘funcionário’, logo começou a ajudá-la.

Jokursarlon, Islandia
Jokursarlon, Islandia (imagem: reprodução/internet)

Depois de viajar pelas montanhas do Canadá por 1 ano e 2 meses, o casal lançou seu primeiro Guia de Viagem no Canadá. Diferente da maioria dos blogueiros de viagem, Marta e Jack não se orgulham de visitar muitos lugares, mas de fornecer a maior quantidade de informações precisas sobre lugares específicos.

Mount Assiniboine, Canada
Mount Assiniboine, Canada (imagem: reprodução/internet)

Hoje em dia, o site deles sobre a paixão por viajar possui um tráfego anual de mais de 1,5 milhão de visitas. Marta e Jack tem orgulho em se colocar à disposição para responder a todas as perguntas do seu público.

Não; eles não são ricos. Mas por estarem comprometidos com seu site, conseguem ser autossuficientes. Levou mais de 6 anos para praticar a produção de conteúdo escrito, para aprender sobre SEO, para pesquisar destinos e tudo isso envolveu muito trabalho e até momentos de frustração. O alto volume de tráfego não ocorreu da noite para o dia.

Se quiser fazer o mesmo que Marta e Jack, lembre-se de que, para isso, é preciso muita paciência e esforço. Nunca desista. Dê um passo a cada dia e, com o tempo, você chegará lá.

Saiba mais em www.inafarawayland.com.

A paixão por viajar foi um sonho que se tornou realidade para eles. Qual é o seu sonho? E o que você precisa fazer para também torná-lo uma realidade?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here