Mais uma chance para quem perdeu o prazo de inscrição do concurso público da Polícia Federal (Concurso PF 2018). A corporação prorrogou as inscrições do certame (retificação). Agora é a sua chance de concorrer a uma das 500 vagas do Concurso da Polícia Federal.

O concurso da PF é para formação de cadastro reserva em cinco cargos de nível superior. Do total de vagas, 100 são reservadas para candidatos negros e outras 27 para portadores de deficiência.


RELACIONADAS



A Polícia Federal (PF) é uma instituição policial brasileira, subordinada ao Ministério da Justiça, cuja função, de acordo com a Constituição de 1988, é exercer a segurança pública para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas, bem como dos bens e interesses da União, exercendo atividades de polícia marítima, aeroportuária e de fronteiras, repressão ao tráfico de entorpecentes,contrabando e descaminho, e exercendo com exclusividade as funções de polícia judiciária da União.

Vagas do Concurso da Polícia Federal

As 500 vagas do Concurso PF são para efetivação imediatas, e foram distribuídas entre os cargos de Agente Federal (180), Delegado (150), Escrivão (80), Perito Criminal (60) e Papiloscopista (30).

São exigidos para o cargo de Agente Federal(180), candidatos com diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em qualquer área de formação, com vencimentos de R$ 11.983,26.

Para o cargo de Delegado(150), as exigências é de diploma de bacharel em Direito e três anos de atividade jurídica ou policial. O salário é de R$ 22.672,48.

Já para Escrivão (80), são exigido ensino superior em qualquer área de formação e tem salário de R$ 11.983,26.

No caso de Perito Criminal, as exigências é de curso superior em nível de graduação em Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia de Telecomunicações, Engenharia de Redes de Comunicação, Análise de Sistemas, Ciências da Computação, Engenharia da Computação, Engenharia de Redes de Comunicação, Informática, Engenharia Agronômica, Geologia, Engenharia Química, Química Industrial, Química, Engenharia Civil, Engenharia Florestal ou Medicina, com remuneração de R$ 22.672,48.

E por fim, as 30 vagas para o cargo de Papiloscopista, exigirá diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em nível de graduação em qualquer área de formação. O salário será também de R$ 11.983,26.

Inscrições do Concurso da Polícia Federal

De acordo com a ratificação, o prazo de inscrições do Concurso PF foi prorrogado até ás 18:00 horas do próximo sábado, dia 7 de julho, (horário de Brasília/DF). Inscreva-se pelo site da Cebraspe, (http://www.cespe.unb.br/concursos/pf_18). O valor da taxa de participação é de:

  • R$ 180 – Agente e Escrivão;
  • R$ 250 – Papiloscopista;
  • R$ 250 – Perito;
  • R$ 250 – Delegado de Polícia Federal.

O prazo final para pagamento da taxa de inscrição é dia 26 de julho de 2018.

Etapas do Concurso da Polícia Federal

As provas do Concurso da Polícia Federal compreenderá de duas etapas. A primeira composta de provas objetivas e discursivas, exame de aptidão física, exame médico, avaliação psicológica, prova prática de digitação (apenas escrivão), avaliação de títulos, prova oral (apenas delegado) e curso de formação profissional. Na segunda, os candidatos serão submetidos a um curso de formação profissional, de caráter eliminatório, de responsabilidade da Academia Nacional de Polícia, a ser realizado no DF.

As provas objetiva e discursiva serão aplicadas em todas as capitais de estado e no Distrito Federal e estão previstas para o dia 19 de agosto de 2018. Para a escolha de lotação serão disponibilizadas vagas, preferencialmente, nos estados e em unidades de fronteira. No caso das provas orais, essas são realizadas apenas em Brasília.

Para o cargo de Agente Federal as questões serão sobre Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática e Contabilidade Geral.

Já para Delegado a prova objetiva será composta de questões sobre Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Empresarial, Direito Internacional Público e Cooperação Internacional, Direito Penal, Direito Processual Penal, Criminologia, Direito Previdenciário e Direito Financeiro e Tributário.

As provas para Escrivão de Polícia, as questões serão sobre Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática, Contabilidade Geral e Arquivologia.

Para Perito Criminal serão aplicadas questões sobre Língua Portuguesa, Informática, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Raciocínio Lógico e Conhecimentos Específicos de acordo com a área do cargo.

E por fim, para o cargo de Papiloscopista as questões serão de Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e Processual Penal, Legislação Especial, Estatística, Raciocínio Lógico, Informática, Arquivologia, Biologia, Física e Química.

Prepara-se e alcance a nota máxima, confira algumas dicas para tirar de letra o Concurso da Polícia Federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui