A banca do concurso público (Concurso Polícia Civil) do estado do Espirito Santo, desiste de organizar o certame previsto para este ano. O aviso de cancelamento foi publicado no Diário Oficial na tarde desta quarta-feira, 9. O Instituto Acesso alegou prejuízos.

Concurso Polícia Civil: O que levou a desistência?

 

De acordo com a Polícia Civil do estado, o Instituto de Acesso de Ensino, Pesquisa, Avaliação, seleção e emprego (Instituto Acesso), alegou que por conta de promulgação da Lei Ordinária 10.822/2018, que por sua vez prevê a dispensa de pagamento de taxas de inscrição para os candidatos que são isentos de apresentar a declaração anual do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), geraria prejuízos para a empresa.

Concurso Polícia Cívil: A Contratação


RELACIONADAS



O Instituto Acesso havia ganho a concorrência para organizar o concurso 2018 que ofereceria 173 vagas em diversos cargos. A divulgação da dispensa da licitação da dispensa foi publicada no Diário Oficial do dia 14 de março do corrente ano.

Autorizado no dia 31 de janeiro pelo governador Paulo Hartung. O anúncio foi feito durante uma coletiva de imprensa realizada no Palácio Anchieta.

“Estamos anunciando o concurso para uma instituição que é parte do nosso esforço na quebra do ciclo vicioso da impunidade. Por meio da Polícia Civil temos a boa investigação e a elucidação dos episódios criminosos. Com o reforço da equipe, conseguiremos reduzir e combater essa prática na sociedade”, disse Paulo Hartung.

Para o jovem Marcos que vem se preparando a quase 9 meses a notícia em pesssíma hora. “Estou estudando a meses, comprei algumas apostilas e recebo a notícia com muita tristeza, porém, ficarei na torcida para que o governador possa contratar outra banca o mais rápido possível”. Disse o jovem.

Concurso Polícia Civil: As vagas

Era previsto a oferta de 173 vagas para o concurso da Polícia Civil do Espirito Santo. Em cargos de níveis médio e superior. Os salários variam entre R$ 3.449,60 e 4.860,80

De acordo com informações preliminares as vagas seriam para os cargos de Escrivão de polícia, perito oficial criminal, psicólogo, médico legista, auxiliar de perícia, médico legal, investigador de polícia e também para assistente social. Apenas o cargo de auxiliar de perícia médica legal era destinado aos candidatos com ensino médio. Demais cargos para nível superior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui