Conheça a Bleachorexia e seus perigos

Muitas pessoas vivem em busca da beleza perfeita, e isso não seria diferente com a aparência dos dentes. Com a facilidade de acesso a clareadores dentais, a obsessão em conseguir um sorriso das celebridades está levando a um vício conhecido como Bleachorexia.

Esse termo Bleachorexia surgiu nos Estados Unidos, sendo classificado como um desejo compulsório de clarear os dentes. A pessoas que sofrem dessa síndrome nunca está satisfeita com o tom de sua dentição e isso pode gerar problemas físicos.

Não existe um dente totalmente branco e perfeito, e por isso a pessoa acaba achando que não está bom, e sem perceber acaba saindo do limite de clareá-lo.

Ter os dentes brancos é muito bonito, mas o excesso de cuidados é bastante prejudicial, porque o uso exagerado de tratamento pode:

  • Gerar alergias na gengiva;
  • Enfraquecer os dentes;
  • Deixar os dentes sensíveis e até mais escuros;
  • Em casos mais graves o esmalte e a interior dos dentes são permanentemente danificados.

Quando buscar um clareamento dental?

odo e qualquer tratamento dentário exige a consulta em um dentista especialista, e isso não seria diferente no caso do clareamento.

Por isso recomenda-se que o clareamento seja realizado ou acompanhado por um profissional de odontologia que, por sua vez, também tem o papel de alertar o paciente quanto aos excessos e suas consequências.

Busque ajuda extra

Além do dentista, quem demonstra sintomas de Bleachorexia deve procurar a ajuda de um psicólogo. Isso porque, assim como a anorexia, essa síndrome distorce a visão estética que o indivíduo tem de si mesmo e descarreta uma série de atos irracionais em sua caçada compulsória pela perfeição.

Ou seja, ter os dentes bonitos e brancos proporciona uma linda aparência e pode ajudar na auto estima, mas se tudo for feito sem controle, você pode prejudicar a sua saúde, e ao invés de melhorar uma coisa, estará piorando tantas outras sem perceber.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here