O que é Peeling? Quando devo fazer e quais são os benéficos?

O peeling, um dos procedimentos mais consultados em clínica de estética e consultórios de dermatologista, é um procedimento que visa à melhora de marcas, manchas e envelhecimento precoce da pele.

Todo mundo quer ter uma pele sempre macia, livre dos problemas causados pela idade, sem espinhas e marcas de expressão. E esse é o sonho da maioria das mulheres que tem vaidade e se preocupam em manter com a beleza em dia. Por isso o peeling vem sendo tão procurado por esse público específico.

Indicação do peeling

O peeling, um dos procedimentos mais consultados em clínica de estética e consultórios de dermatologista, é um procedimento que visa à melhora de marcas, manchas e envelhecimento precoce da pele.
O peeling, um dos procedimentos mais consultados em clínica de estética e consultórios de dermatologista, é um procedimento que visa à melhora de marcas, manchas e envelhecimento precoce da pele. (Foto: Internet)

Além de todas as funções e aplicação do peeling, ele pode ser indicado no tratamento de pele oleosa, pois reduz a oleosidade, diminui cicatrizes causadas por acne, clareia sardas, manchas de sol e manchas provocadas pela idade, disfarça aparência de estrias, elimina rugas finas e marcas de expressão, melhorando consideravelmente a textura e a aparência da pele.

E qual o melhor momento para a realização do procedimento?

Bem, o indicado pelos especialistas é a sua aplicação durante o inverno, pois durante o tratamento, é feita a retirada de uma camada superficial de pele, que através de células com capacidade de reprodução logo se regeneram, a fim de dar a pele um novo aspecto.

Como esse procedimento deixa a região da aplicação extremamente sensível, não se deve tomar sol, por isso o inverno é considerado a melhor época pois a incidência de raios solares é menor e quem poucas quantidades. Assim, a recuperação da pele onde foi aplicada o peeling se torna completa e os resultados são satisfatórios.

Tipos de peeling

Tendo em mente que para cada pessoa existe um tipo de tratamento, veja abaixo qual deles se encaixa no seu perfil de rosto e problema:

  • Peeling químico

É feito através de aplicações de ácidos como o retinóico, salicílico ou fenol diretamente na área afetada. Deve ser conduzida por um profissional habilitado, como os dermatologistas e em clínicas especializadas no tratamento.

  • – Peeling físico

A esfoliação na pele é feita com microcristais de óxido de alumínio, reduzindo pequenas rugas e manchas, melhorando a textura da pele de forma considerável. Outra técnica que entra nesse segmento é a utilizada peeling com lixas de alta rotatividade capaz de remover cicatrizes e até mesmo tatuagens.

  • – Peeling a laser

Nesse tratamento, os especialistas indicam que devem ser evitado por mulheres de pele morena, pois suas manchas demoram um pouco mais para desaparecer, como se fosse igual a uma “queimadura” uniforme na pele, capaz de ótimos resultados.

Bem, independente de qual tratamento você venha a escolher, lembre-se que o peeling não é feito da noite para o dia, e por isso é necessário preparar a pele para a aceleração da renovação, seja em torno de duas ou três semanas antes de iniciar as sessões.

Assim, os dermatologistas vão conseguir identificar prováveis reações alérgicas ou irritações em relação aos produtos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here