21 de Agosto de 2018, atualizado ás 10:08

Conheça a novas regras do cartão de crédito

Por: | Finanças


Looks like you have blocked notifications!

Foram lançadas novas regras para o cartão de crédito, e essas medidas tiveram como meta diminuir as taxas de juros cobradas nessa modalidade de crédito.

Para quem usa bastante o cartão de crédito é importante ficar de olho nessas mudanças, como as taxas para quem paga somente o mínimo, uso do rotativo e etc.

Isso porque, agora cada banco ou empresa que emitem cartões poderá definir um percentual de pagamento mínimo para cada cliente, de acordo com o perfil dele e relacionamento com a instituição.

Artigos que você pode se interessar:

Taxa de juros para clientes que usam o rotativo está mais alta

Banco Lança Cartão de Crédito BMG Internacional sem Consulta ao SERASA e SPC

Cartão de crédito Nubank: você livre da anuidade!

Fique de olho no rotativo do cartão de crédito

Fique de olho nas mudanças do cartão de crédito na hora de efetuar suas compras (Foto: Divulgação / Internet)

Com essas mudanças, também acabou a possibilidade de cobrança de duas taxas de juros diferentes para quem deixa de pagar a fatura total, usando o rotativo:

– Rotativo regular: mais baixos, são cobrados daqueles clientes que quitam pelo menos o pagamento mínimo de uma fatura.

– Rotativo não regular: mais altos, são aplicados pelos bancos àqueles clientes que pagam menos que o mínimo ou não pagam a fatura, e ficam inadimplentes.

De acordo com o Banco Central, no mês de março a taxa média do rotativo regular foi de 10,8% ao mês e a do rotativo não regular, de 14,3% ao mês.

As novas regras foram anunciadas um ano após o governo divulgar as primeiras mudanças nas normas para uso dos cartões. Na época, a principal medida foi o fim da possibilidade de os consumidores pagarem o valor mínimo das faturas por vários meses seguidos.

Ou seja, o cliente só consegue usar o rotativo apenas em um mês, sendo que no outro terá que pagar a fatura total.

Se ele não conseguir, o banco deverá oferecer um parcelamento do débito em linhas de crédito com juros mais baixos que os do cartão.

Novas regras para o uso do cartão de crédito

Alguns detalhes, como o rotativo e cobranças de juros, foram alteradas. Consulte sempre o seu banco para saber como ele está agindo com essas mudanças (Foto: Internet)

Conheça o que mudou com as regras do cartão de crédito:

– Pagamento mínimo: as Instituições financeiras vão ter liberdade para definir o percentual do pagamento mínimo, que pode inclusive ser diferente para cada cliente.

– Rotativo e juros: as Instituições ficam proibidas de praticar duas taxas diferentes e terão que cobrar os juros do rotativo regular, tanto para o cliente que pagou o mínimo da fatura quanto para aquele que não pagou nada.

Mas no caso dos devedores, o banco ou instituições financeiras vão poder cobrar multa (2%, paga uma única vez) e juros de mora (limitado a 1% ao mês).

– Crédito mais barato: essa parte não houve alterações, sendo que os clientes só podem pagar o valor mínimo da fatura e usar o rotativo por um mês. No mês seguinte, são obrigados a pagar a fatura total, ou seja, não podem continuar pagando apenas o valor mínimo. No caso das pessoas que não conseguem quitar o valor total após entrarem no rotativo, os bancos são obrigados a parcelar o valor em uma linha de crédito diferente do cartão, com juros mais baixos.

Por isso, se você faz uso do cartão de crédito, fique ligado nessas mudanças para que o seu orçamento mensal não fique comprometido apenas com a fatura.

Quer saber mais sobre as novas regras do cartão de crédito?

Então nos siga agora mesmo em nossas páginas do Facebook e do Instagram e permita nossas notificações para receber mais notícias sobre cartão de crédito, contas digitais, empréstimos e finanças em geral.




Raquel Luciano

Jornalista com experiência na produção de conteúdo para diversos canais de informação espalhados pelo Brasil. E-mail: rachell.luciano@gmail.com

     

0 Comentários