São Paulo  
Por: Raquel Luciano / há 1 semana

Coronavírus: Veja o que está permitido e proibido na quarentena em SP

Veja o que está permitido e proibido na quarentena em SP para contensão do coronavírus Covid-19

Quarentena contra o coronavírus Covid-19 começa nesta terça-feira (24) em todo o Estado de São Paulo, segundo o decreto do governo paulista.

Ou seja, a medida de quarentena será de pelo menos 15 dias, começando nesta terça-feira (24/3) e seguindo até 7 de abril.

Com essa medida, todos os serviços e comércios considerados não essenciais nos 645 municípios do Estado, deverão ficar fechados neste período.

Até segunda-feira (23), São Paulo registrava 745 pessoas confirmadas com coronavírus, sendo que 30 já tinam morrido no estado.

Entretanto, já no Brasil, ao todo foram registrados 1.891 casos com 34 mortes.

Assim, durante coletiva de imprensa na última semana, o governador João Dória disse que a medida de quarentena era para conter a expansão do coronavírus no estado.

“[Agora] É quarentena. Nosso objetivo é seguir as instruções dos profissionais de saúde e dos médicos para reduzir ainda mais o número de pessoas nas ruas”

Mas, o que está permitido e proibido durante a quarentena do coronavírus?

O que fica fechado durante a quarentena do coronavírus em SP?

Coronavírus: Veja o que está permitido e proibido na quarentena em SP – Foto: Pixabay

Portanto, fica fechado durante a quarentena do coronavírus em SP todo estabelecimento comercial e prestadores de serviços que não são essenciais a vida das pessoas, como:

  • Casas noturnas;
  • Shoppings;
  • Galerias comerciais;
  • Academias de ginástica;
  • Lojas de vestuários;
  • Lojas de produtos eletrônicos;
  • Comércio de material de construção e outros.

O que poderá funcionar parcialmente durante a quarentena do coronavírus em SP?

O que poderá funcionar parcialmente durante a quarentena do coronavírus em SP? – Foto: Internet

Mas, existe um grupo que poderá funcionar parcialmente durante a quarentena do coronavírus em SP.

Ou seja, dentre eles:

  • Bares;
  • Restaurantes;
  • Padarias;
  • Cafés;
  • Lanchonetes;
  • Açougues;
  • Hipermercados;
  • Supermercados.

Entretanto, nestes estabelecimentos, fica proibido o consumo no local, onde esses comércios devem funciona apenas como “delivery” ou “drive thru”.

O que continua funcionando durante a quarentena do coronavírus em SP?

O que continua funcionando durante a quarentena do coronavírus em SP – Foto: Internet

Então, quais são os locais que vão poder funcionar normalmente durante a quarentena do coronavírus em SP?

Portanto, segundo o decreto do governo de SP, apenas atividades essenciais permanecerão em pleno funcionamento.

Ou seja, isso inclui:

  • Todos os serviços de saúde, como hospitais, clínicas (inclusive odontológicas);
  • Farmácias;
  • Lavanderias;
  • Serviços de limpeza;
  • Manutenção e zeladoria;
  • Hotéis;
  • Segurança privada;
  • Serviços de abastecimento como transportadoras;
  • Postos de combustíveis e derivados;
  • Armazéns;
  • Oficinas de veículos automotores;
  • Bancas de jornal;
  • Táxis, aplicativos de transporte;
  • Serviços de call center;
  • Pet shops;
  • Bancos e casas lotéricas.

Punição para quem burlar a quarentena em SP

Portanto, o estabelecimento comercial que burlar a quarentena do coronavírus em SP poderá receber uma punição, segundo os artigos 268 e 330 do Código Penal.

Assim, isso poderá incluir detenção de um mês a um ano, além de multa, e “desobediência a ordem de funcionário público”.

Além disso, o governador disse que aglomerações e festas ao ar livre, tanto na capital como em outras cidades do estado, serão coibidas pela Polícia Militar.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole direitos, denuncie.
Load more

Notícias relacionadas