COVID-19: Professora produz modelo de organização segura para sala



Com objetivo de inspirar outros profissionais, a professora produziu um modelo de organização segura, no que se refere a COVID-19, para sua sala de aula.
Joey Phillipe - 01 de Agosto de 2020 às 08:54:05

A professora, Haililani Latu, que a tua na segunda série da Escola Primária de Manoa, estava muito apreensiva com a vulnerabilidade da sala de aula quanto à COVID-19. Preocupando-se com os riscos a que ela e seus alunos estariam expostos.

Inclusive, ela pertence ao grupo de risco, em decorrência de estar grávida do seu segundo filho, previsto para nascer em novembro.“Senti que não precisávamos fazer isso, mas como professora de alto risco, só queria garantir que minha sala de aula estivesse o mais segura possível”, afirmou Latu.


RELACIONADAS



Utilizando vidro acrílico e velcro, que a professora possuía extra em sua casa, foi possível criar barreiras individuais para as mesas dos alunos.

“Fizemos isso para ter janelas, porque se você não colocasse janelas, não saberíamos o que os alunos estão fazendo por trás dela, para que pelo menos eles possam ver e que não estão se escondendo nem nada”, ela disse.

Além disso, a família da dedicada professora doou suprimentos que ela fabricava para poder tornar a sala de aula mais segura. Ela ainda gastou uma média de U$ 500 com itens adicionais como lixeira, para que cada aluno tivesse a sua, cortinas de chuveiro e um cabideiro para apresentações em classe.

Mais detalhes sobre o modelo para reduzir os riscos de COVID-19
COVID-19: Professora produz modelo de organização segura para sala – Foto: Khon2

Embora tenha tido trabalho para confecção dos materiais e gasto dinheiro extra, Latu afirma: “Eu não me importei porque sinto que a segurança vem primeiro e quando as crianças vêm à minha classe, quero ter certeza de que o número um é educá-los, mas o segundo é também mantê-los seguros”.

“Então, eu também tentarei fazer tudo ao meu alcance que eu possa controlar para mantê-los seguros”, disse ela.

No modelo que pode inspirar inúmeros profissionais, todas as mesas da sala de aula estão separadas por um metro e oitenta. Além disso, o Velcro deve manter as barreiras no lugar, pois as janelas precisam estar abertas o tempo todo. E os alunos colocam seus suprimentos em suas lixeiras quando terminam o dia.  

Segundo a Sra. Latu, o atraso de duas semanas no retorno ás aulas é útil para que outros professores tenham tempo de preparar suas salas. “Nós professores, estamos tentando o nosso melhor para torná-lo o mais seguro possível”, afirmou ela.

VEJA TAMBÉM



Postado por: Joey Phillipe
Sou redator, curto a área de informática, gosto de games e esportes.