Ontem, 26 de junho, a polícia espanhola prendeu na cidade de Servilha um militar que “transportava 39 kg de cocaína”. Ele fazia parte da comitiva do presidente Jair Bolsonaro, e estava em aeronave oficial.

A comitiva era composta por cerca de 20 militares da Força Aérea Brasileira (FAB), no entanto apenas um assumiu a culpa. O acusado é o segundo-sargento Silva Rodrigues da Força Aérea. No entanto, ainda não se sabe como ele conseguiu sair do Brasil carregando toda essa droga.

 Jair Bolsonaro desembarca de avião oficial da Força Aérea Brasileira  (Fonte: Veja - Abril)
Jair Bolsonaro desembarca de avião oficial da Força Aérea Brasileira (Fonte: Veja – Abril)

RELACIONADAS



O voo tinha como destino final o Japão, na cidade de Osaka, pois o presidente está participando da reunião do G20. Esta comitiva seria a tripulação que voltaria com Bolsonaro do Japão.

Loading...

Porém, o avião precisou fazer uma pausa técnica na Espanha e foi lá que a imigração encontrou a droga. No total foram 39 kg de cocaína, embaladas em 37 pacotes, e segundo a polícia espanhola o militar nem sequer escondidas em baixo das roupas elas estavam.

O que o governo disse sobre o caso ?

O presidente Bolsonaro, se manisfestou em rede social. Apesar de toda essa situação, ele defendeu os militares dizendo que são pessoas formadas com ética e moralidade. E ainda disse que se for comprovado ele será julgado e condenado devidamente.

Ainda ontem (26), o vice presidente Hamilton Mourão disse que:

” Agora é investigação, porque pela quantidade de droga que o ‘cara’ está levando ele não comprou na esquina e levou. Ele estava trabalhando como “mula”, e uma “mula qualificada”.
Vice presidente Hamilton Mourão se pronuncia sobre o caso do militar preso com cocaína na Espanha
Vice presidente Hamilton Mourão se pronuncia sobre o caso do militar preso com cocaína na Espanha (Imagem: Antonio Milena/VEJA )
Loading...

No “tráfico de drogas” internacional, o termo mula é utilizado para aqueles que transportam a droga.

Mourão ainda afirmou que em viagens presidenciais, uma tripulação acompanha o presidente e fica “no meio do caminho”. E que a tripulação, que teve um militar preso, voltaria no mesmo avião que o presidente no trecho Espanha/Brasília.

Confira também:

Futebol Ao Vivo: Brasil x Paraguai pelas quartas de final da Copa América!

Loading...

Por que assistir o documentário “Democracia em Vertigem” na Netflix?

Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui