Escolas de Nova York anunciam plano para lidar com a COVID-19



Resultados positivos nos testes para detecção da COVID-19 provocarão o fechamento de salas e até escolas de Nova York, que serão reabertas no outono.
Joey Phillipe - 31 de Julho de 2020 às 14:51:03

Nesta quinta-feira (30), autoridades anunciaram que resultados positivos nos testes de detecção da COVID-19 desencadearão o fechamento de salas e até edifícios escolares em Nova York, após reabertura neste outono.

A medida será aplicada até que seja concluída um investigação referente a um maior surto da doença. Entretanto, ainda não se sabe de que modo as escolas responderão efetivamente aos casos positivos de COVID-19, seguindo o plano de reabertura da cidade.


RELACIONADAS



“Estamos fazendo tudo ao nosso alcance para manter as crianças saudáveis ​​e, ao mesmo tempo, garantir que elas recebam a educação que merecem. Esses rigorosos protocolos de teste e rastreamento manterão nossos alunos e funcionários em segurança quando começarmos este novo ano letivo ”, disse o prefeito de Blasio.

Inicialmente, o plano, que está para ser aprovado por autoridades estaduais, prevê o encaminhamento de crianças às escolas em alguns dias e a realização de ensino a distância em outros.

De acordo com as autoridades, os novos regulamentos disponibilizarão regras básicas e clara para que as escolas consigam lidar com os casos positivos de COVID-19. Além disso, será permitido que pais, alunos e funcionários auto-relatem testes positivos aos funcionários da escola, para identificação e rastreamento do doente.

Mais informações sobre o Plano frente á COVID-19
Escolas de Nova York anunciam plano para lidar com a COVID-19 – Foto: Opinião e Notícia

Supondo que alunos ou funcionários da mesma sala sejam infectados pelo coronavírus, a sala será fechada e as aulas transferidas para ambiente virtual, enquanto ocorre investigação de onde pode ter sido ocasionada a contaminação. Após o processo investigativo a sala permanecerá fechada por 14 dias.

Por outro lado se ao menos duas pessoas de salas distintas na mesma escola apresentarem a infecção, todo o prédio será isolado e também passará por investigação. Caso seja identificada a causa ou local da contaminação apenas as salas referentes permanecerão fechadas duas semanas, mas, se a identificação não for possível, todo o prédio ficará fechado por 14 dias.

Segundo funcionários do Departamento de Educação, as investigações de Teste e Rastreamento possuem duração entre 1 e 3 dias. Além disso, as escolas serão contactadas todas as noites, às 18h, para informar se estarão reabertas no dia seguinte.

Assim como, os funcionários das escolas deverão realizar os testes para detecção da COVID-19 nos dias anteriores ao retorno das aulas, em 10 de setembro. Eles terão prioridades nos hospitais públicos da cidade que oferecem o teste gratuitamente.

Será necessária a criação de uma “sala de isolamento” em cada escola para crianças ou funcionários que possam passar mal. Além disso, como nem todas as escolas possuem enfermeiros em período integral, as autoridades afirmaram que as salas serão ocupadas por “profissionais de saúde” ou por um “funcionário dedicado”.

VEJA TAMBÉM



Postado por: Joey Phillipe
Sou redator, curto a área de informática, gosto de games e esportes.