Esqueleto de urso pré-histórico é achado na Rússia em perfeito estado

O esqueleto de urso foi encontrado por pastores de renas, na Rússia. Estudos iniciais sugerem que o achado possui mais de 20 mil anos.
Joey Phillipe - 14 de Setembro de 2020 às 22:01:44
Looks like you have blocked notifications!

Pastores de renas nas Ilhas Lyakhovsky, que pertencem as ilhas do arquipélago da Nova Sibéria, localizada ao norte da Rússia, surpreendentemente descobriram o esqueleto de um urso pré-histórico. Os restos mortais incrivelmente preservados do animal, que vivia na Era do Gelo, foram achados no Ártico Russo.

Além disso, o exemplar é o primeiro da espécie a ser encontrado com os tecidos macios ainda intactos. Anteriormente, apenas ossos de ursos da caverna foram desenterrados. Entretanto, segundo uma equipe de cientistas da Universidade Federal do Nordeste em Yakutsk, na Sibéria, neste espécime até o nariz permanece em perfeito estado.


RELACIONADAS



Assim, a cientista Lena Grigorieva, afirmou em comunicado publicado pela instituição: “Hoje essa é a primeira e única descoberta desse tipo: uma carcaça inteira de urso com os tecidos macios. Está completamente preservado, com todos os órgãos internos no lugar, incluindo até o nariz”. 

“Antes, apenas crânios e ossos haviam sido encontrados. Essa descoberta é de grande importância para todo o mundo”, completou. 

Mais detalhes sobre a descoberta na Rússia
Esqueleto de urso pré-histórico é achado na Rússia em perfeito estado – Foto: CNN Brasil

Os pastores de renas encontraram restos de um animal adulto, mas transferiram o direito de pesquisa a Universidade Federal do Nordeste de Yakutsk, tendo em vista que a instituição está na linha de frente no tocante ás pesquisa de animais extintos, como mamutes e rinocerontes.

Portanto, segundo a equipe de pesquisa o urso das cavernas, classificado na espécie Ursus spelaeus, a qual trata-se de uma espécie pré-histórica que vivia na Eurásia. Além disso, foi extinta a cerca de 15 mil anos atrás. Entretanto, análises preliminares apontam que o esqueleto encontrado possui entre 22 mil e 39.500 anos.

Contudo, ainda serão necessários estudos mais específicos para determinar a idade exata do espécime. Assim como, os cientistas não puderam visitar o local onde os restos do animal foi encontrado, tendo em vista que a cidade da instituição fica muito distante.

Por fim, à medida que o gelo permanente vai derretendo, nos últimos anos algumas descobertas significantes foram realizadas na Sibéria. Incluindo mamutes, rinocerontes, potros, filhotes de cachorro e de leões-das-cavernas.

Esqueleto de urso pré-histórico é achado na Rússia em perfeito estado – Foto: CNN Brasil

VEJA TAMBÉM



Postado por: Joey Phillipe
Sou redator, curto a área de informática, gosto de games e esportes.