Senado aprova MP que facilita empréstimo de bancos

Segundo o texto, as instituições financeiras públicas e privadas ficam dispensadas de exigir documentação de regularidade fiscal para aprovar o crédito.

Por: Caroline Brito - Jornalista
12/06/2021 às 10:08 - atualizado em 10/06/2021 às 13:23

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

O Senado aprovou a Medida Provisória 1.028/2021, que facilita o empréstimo a clientes de bancos. De acordo com o texto da medida, as instituições financeiras públicas e privadas ficam dispensadas de exigir documentação de regularidade fiscal para aprovar o crédito.

Se sancionada pelo presidente, a medida valerá até 31 de dezembro deste ano. O intuito dela é facilitar o crédito a empresas e pessoas físicas em um período de crise econômica provocado pela pandemia de Covid-19 no Brasil.

Documentos

Entre os documentos que não serão cobrados de empresas e pessoas físicas estão:

  • comprovação de quitação de tributos federais,
  • certidão negativa de inscrição na dívida ativa da União,
  • certidão de quitação eleitoral,
  • regularidade com o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS),
  • regularidade na entrega da Relação Anual de Informações Sociais (Rais),
  • comprovação de pagamento do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR) para os tomadores de empréstimo rural.
Senado. Imagem: Divulgação

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News
Caroline Brito

Caroline Brito
Caroline Brito é jornalista, formada pela Universidade Federal do Ceará, em 2012, e mestra em Planejamento e Políticas Públicas pela UECE. Saiba mais sobre Caroline em seu perfil!