A Caixa Econômica Federal oferece um recurso muito útil e que pode facilitar bastante a vida da população: o Aplicativo FGTS. Com ele você não precisa mais se deslocar até sua agência em busca de informação. Evitando, assim, aglomerações que prejudicam o processo da quarentena durante esta pandemia.

Além de poupar tempo você também contribui para a sustentabilidade, deixando de imprimir comprovantes constantemente. O aplicativo está disponível para os sistemas Android e IOS.


RELACIONADAS



Serviços disponíveis pelo Aplicativo do FGTS:

  • Realizar o Saque Digital provenientes de rescisão ou quando houver liberação do Governo;
  • Indicar uma conta de qualquer banco para receber os rendimentos;
  • Selecionar a modalidade do saque e enviar documentos através do APP;
  • Consultar saldos e extratos;
  • Acompanhar todas as etapas e a movimentação da sua conta.

Para quem não entendeu sobre o Saque Digital, ele é apenas uma forma de solicitar o saldo liberado através do Aplicativo FGTS. Ou seja, após o cliente confirmar que existe saldo disponível para retirada, ele escolhe uma conta de sua titularidade de qualquer banco para receber essa quantia.

Tudo será 100% digital, sem precisar ir à uma agência. Garantindo, assim, mais conforto, agilidade e segurança para o usuário correntista da Caixa.

Confira outras matérias:

PIS/Pasep: Confira o calendário do abono 2020-2021

Encceja 2020: Confira o Edital do INEP

Como acessar o Aplicativo FGTS

Governo Vai Liberar Saque do FGTS - Confira o Valor Pelo Aplicativo
Governo Vai Liberar Saque do FGTS – Confira o Valor Pelo Aplicativo

Para instalar o App é bem simples, basta apenas abrir a sua loja de aplicativos (Google play para Android e App Store para o iPhone) e buscar por FGTS. OBS: Confira se foi desenvolvido pela Caixa Econômica Federal, como na imagem abaixo:

Aplicativo do FGTS da Caixa Veja como acessar
Aplicativo do FGTS da Caixa: Veja como acessar
  • Clique na opção “Cadastre-se”;
  • Preencha os campos CPF, Nome Completo, Data de Nascimento, E-Mail e escolha uma senha de acesso com seis números para cadastrar;
  • Ao finalizar estas etapas, clique em “Não sou um robô”;
  • Verifique a caixa de entrada do e-mail que você informou e busque o e-mail de confirmação. Abra-o e clique no link que foi enviado;
  • Depois disso, é só entrar no App com o seu CPF e a senha de seis números que você cadastrou;
  • Responda com atenção algumas perguntas adicionais e clique em “Continuar”;
  • Agora é só marcar a opção “li e aceito as condições” e depois em “Concordar” novamente;
  • E pronto, o APP FGTS já está liberado e pronto para uso.

A função estrá disponível para qualquer trabalhador que se enquadre em uma das modalidades de saque previstas em Lei e que tenham crédito liberado para saque.

Quaisquer dúvidas referentes ao processo é só acessar o site da Caixa ou ligar para a central de atendimento, cujo número é 0800 726 0104, em horário comercial.

Como instalar o Aplicativo

Fique atento – Governo pode liberar saques do FGTS a partir de junho

Com o intuito de aquecer a frágil economia do Brasil durante este momento de pandemia, o governo anunciou na madrugada desta terça-feira (7) uma Medida Provisória para liberar o saque de até R$ 1.045 de contas do FGTS.

A medida tem caráter imediato mas ainda necessita de aprovação do Congresso. Se aprovada, a liberação do saque estará disponível a partir do dia 15 de Junho, com validade até 31 de dezembro.

Considerando a crise gerada pelo Covid-19, o Congresso editou um artigo para agilizar o processo de aprovação das MPs e finalizá-las em, no máximo 16 dias (normalmente duram até 120 dias).

Segundo o Ministério da Economia, os saques do FGTS podem acrescentar aproximadamente R$ 35 bilhões na economia e beneficiar mais de 60 milhões de trabalhadores.

Sobre o Fundo de Garantia

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) tem como objetivo garantir uma reserva financeira para o trabalhador após uma demissão sem justa causa. Atualmente é regido pela Lei nº 8.036, de 11 de maio de 1990.

Em todo emprego formal – com carteira assinada – cabe ao empregador depositar no FGTS do trabalhador 8% do seu salário no início de cada mês. O banco responsável por manter, recolher e controlar as operações do FGTS vinculadas à cada trabalhador é a Caixa Econômica Federal.

No entanto, o saque do FGTS não é disponível apenas na rescisão contratual. Confira algumas condições em que ele pode ser liberado:

  • Liberação do Governo quando há situações de crise no país;
  • Término do contrato por prazo determinado;
  • Revogação por falência, falecimento dos empregadores ou nulidade do contrato;
  • Revogação do contrato por culpa recíproca ou força maior;
  • Em casos de Aposentadoria;
  • Quando o colaborador atingir idade igual ou superior a 70 anos;
  • Em casos de doenças graves;

Além disso, pode haver diversas outras situações que não especificadas aqui. Contudo, você pode conferir todas as condições para liberação do saque no site oficial da Caixa.

Medida emergencial pode liberar saques do FGTS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui