14 de Agosto de 2019, atualizado ás 07:08

HÁ ESPERANÇA. venda de livros cresce 4% no Brasil.



Por: | Notícias

Compartilhar:
         

O setor editorial e de vendas de livros passava por uma crise severa, que levou o fechamento de várias livrarias. Porém, uma pesquisa revela que o mercado ganhou 4% de crescimento.

HÁ ESPERANÇA. venda de livros cresce 4% no Brasil. (exame.abril.com.br)

O relatório e a pesquisa foram elaborados pela Nielsen, que comparou o período de vendas desse ano com o do ano passado.

A análise foi referente aos meses de maio à junho e este mesmo tempo foi comparado com o ano anterior.

Em suma, as vendas de livros ganharam aproximadamente 4% de crescimento no Brasil. Uma vitória para o setor, que passava por uma crise severa.

Foram registrados um faturamento de R$ 112,6 milhões, sendo a primeira vez que os números ficam no azul no ano de 2019.

Sendo assim, comparando com o ano anterior, que faturou R$ 107,9 milhões, houve um ganho de 2,85 milhões, de exemplares vendidos.

Todavia, no acumulo anual, as vendas de livros nos estabelecimentos monitorados pelo Nielsen ainda está no vermelho, com queda de 14,5% em faturamento e de 15,07% em volume.

LEIA TAMBÉM:

Casamento temático de Pokémon. No Japão é possível e oficial.

Chris Evans na Netflix – Missão no Mar Vermelho.

Netflix é Sintonia. Konhad Dantas, Kondzilla, fala sobre a série.

Portas Fechadas

Sabemos que as livrarias físicas enfrentaram uma onda de fechamentos em larga escala, devido à crise no mercado. Entre 2018-2019.  

Dentre elas temos a Saraiva, que fechou cerca de 30 lojas; a Livraria Cultura, que também diminuiu suas filiais; e a saída da Fnac do Brasil.

Sendo assim, esses detalhes também contam no estudo e nos relatórios. Eles compõem a amostragem e incrementam os resultados.

Somado a isso, temos a crise editorais, que fez com que as editoras deixassem de vender livros através de livrarias.

Alguns acreditam que a venda de e-books acabou por reduzir as vendas dos livros físicos e que as editoras e lojas de vendas de livros online são preferidas pelos compradores.

Porém, ainda não foi confirmada essa teoria, mas a mudança no modo de compra pode ser fator significante a ser estudado.

HÁ ESPERANÇA. venda de livros cresce 4% no Brasil. (oab.grancursosonline.com.br)

Descontos médios nas vendas de livros

Podemos destacar também o nível de desconto médio analisado no relatório e este diz que os canais de vendas, durante o período mencionado, ficaram 2,15% abaixo, comparado à 2018.

São dados interessantes a serem analisados e que mostram um futuro otimista, apesar da crise.

GMR




Anderson Gomes

  

0 Comentários