JK Rowling em outra polêmica após excluir comentário à Stephen King
A escritora e roteirista Jk Rowling, autora da aclamada série Harry Potter, é alvo de mais uma polêmica envolvendo mulheres trans nas redes sociais
G M Rhaekyrion - 29 de Junho de 2020 às 12:04:25

Após se envolver em discussões sobre transgêneros, em que a escritora dá a entender que não apoia as mulheres trans, JK Rowling foi alvo de mais uma polêmica envolvendo a um comentário que fez à Stephen King.

Recentemente a escritora se envolveu em uma polêmica quando comentou um artigo da plataforma de mídia Devex, em que dizia: “Criando um mundo pós-COVID-19 mais igual para as pessoas que menstruam”, no que JK Rowling escreveu: “Pessoas que menstruam. Tenho certeza de que costumava haver uma palavra para essas pessoas.”.


RELACIONADAS



O comentário foi considerado transfóbico, uma vez que pessoas trans e não-binárias também podem menstruar, repercutindo ao ponto de ser acusada pelo deputado Lloyd Russell-Moyle, de utilizar a sua experiência pessoal de abuso doméstico para promover discriminação da comunidade trans. Ele, no entanto, pediu desculpas por sua posição e não voltou a comentar.

Mas antes de conferir o que JK Rowling twittou para o escritor Stephen King, clique no botão azul e fique por dentro das novidades da , A Folha Hoje em primeira mão.

JK Rowling apaga comentário de elogio a Stephen King: entenda o caso
JK Rowling em outra polêmica após excluir comentário à Stephen King. (Foto: retirada do site F5.folha.uol)

A história começa quando a escritora da saga Harry Potter compartilha uma publicação da escritora Andrea Dworkin, que fala como os homens tratam as opiniões das mulheres como “atos de violência”, sendo retweetado por Stephen King.

Então, Rowling demonstrou seu carinho pelo autor ao declarar em seu Tweeter que: “É muito mais fácil para os homens ignorar as preocupações das mulheres ou menosprezá-las, mas nunca esquecerei os homens que se levantaram quando não precisavam Obrigada, Stephen”.

Entretanto, o afeto e apoio foram censurados quando Stephen King, ao ser pressionado para expor sua posição a causa trans, publicou que: “Mulheres trans são mulheres”. Causando uma série de divergência em seus fãs e, também em Rowling, que apagou o comentário elogiando-o em seguida.

A posição da escritora é delicada e em resposta ao seu posicionamento já houve uma série de protestos, de escritores de sua agência expressando suas opiniões contrárias e, até, de atores famosos da franquia Harry Potter, como Daniel Radcliffe e Emma Watson, que demonstraram sua empatia e apoio às mulheres trans. 

VEJA TAMBÉM



Postado por: G M Rhaekyrion
Escritora de ficção e fantasia, colunista de site em entretenimento, moda, saúde, beleza e bem-estar. Bióloga por formação, pela Universidade Federal de Alagoas e, eventualmente, faço criticas narratológicas para escritores de ficção.