05 de Fevereiro de 2020, atualizado ás 12:02

Jovem com Síndrome de Down é aprovado em Universidade Federal

Por: | Alagoas


José Artur Ciríaco do Carmo, recebeu a feliz notícia de que foi aprovado, pelo SISU, na Universidade Federal de Alagoas (UFAL). O detalhe é que o jovem estudante é portador da Síndrome de Down.

SIGA => A FOLHA HOJE NO GOOGLE

Caracterizada geneticamente pela trissomia do cromossomo 21, a Síndrome de Down é uma alteração genética, causada por um erro na divisão celular, durante a formação do embrião.

Descrita pela primeira vez em 1866, na Inglaterra, pelo médico John Langdon Down, a Síndrome de Down (SD), foi batizada com o sobrenome do seu descobridor.

Tendo como características uma série de conjuntos fenotípicos específicos e a deficiência mental, a SD acomete certa de 300 mil brasileiros e destes, apenas 74 estão em uma Instituição de Ensino Superior (IES).

Devido as dificuldades neuropsicomotoras, pessoas com SD costumam não ter o mesmo desenvolvimento e facilidade de aprendizagem que um aluno sem alterações genéticas.

O que não impede essas pessoas de estudarem e conquistarem seu espaço no meio acadêmico, apesar das dificuldades sociais e as diversas barreiras – tanto fisiológicas, quanto de aprendizado – que enfrentam ao longo da vida.

O estudante, José Artur Ciríaco do Carmo, provou isso, ao ser aprovado no curso superior de bacharel em Teatro, pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL).

Jovem com Síndrome de Down é aprovado em Universidade Federal. (Foto: arquivo pessoal/Artur Ciríaco)

Em entrevista exclusiva para A Folha Hoje, o Fera e a sua família, relataram um pouco sobre como foi essa história de luta e conquistas.

A aprovação Federal

O estudante alagoano frequentou escolas regulares desde o início de sua vida escolar. Sua mãe, a psicopedagoga Simone Ciríaco, relata que em alguns momentos encontrou barreiras junto as escolas em oferecer um acompanhamento mais especializado para o aprendiz.

A proposta da escola inclusiva ainda encontra muitos obstáculos a serem vencidos. Incluir o deficiente mental não é apenas colocá-lo em uma sala regular de ensino, mas junto a isso, oferecer uma diversidade de recursos necessários para o seu desempenho. Nisso, as escolas ainda deixam a desejar, principalmente por falha na formação continuada e especializada dos professores. Muitas vezes, me via em conflito com alguns professores, a respeito de como avaliar o meu filho, enfrentando comportamentos congelados de profissionais que queriam avaliar o estudante da mesma forma que os outros que não tinham dificuldade de aprendizagem”.

Independente de todas as dificuldades enfrentadas, José Artur sempre recebeu apoio e estímulos positivos para manter-se assíduo em sua formação.

Os problemas vividos por Artur, e todos os demais alunos que possuem qualquer tipo de deficiência, não impediram sua conquista. Ele é o primeiro aluno SD a ser aprovado, para um curso do Ensino Superior, na Universidade Federal de Alagoas.

O Fera

Artur é um jovem bastante comunicativo e está radiante com sua conquista. De cabeça raspada e sorriso no rosto, ele conta que estudou muito para o ENEM. Ele adora um palco.

Jovem com Síndrome de Down é aprovado em Universidade Federal. (Foto: arquivo pessoal/Artur Ciríaco)

Essa é a segunda grande conquista acadêmica de José Artur, que ingressou no curso técnico de Dança, também pela Universidade Federal de Alagoas, no ano de 2019.

VEJA TAMBÉM:

+Netflix: 3 filmes inspirados em HQs que você pode assistir na plataforma

+Lançamentos Netflix: o que estreia na primeira semana de fevereiro

 

O Fera quer ser ator e professor de dança, coisa que ama fazer, ele está sempre por dentro do último hit.

É muito bom e estou muito feliz. Quero ser um professor de teatro e ator”, disse Artur sobre a aprovação.

Ele encerra falando que almeja ensinar teatro e ser ator, reafirmando seu foco e dedicação. E, ainda, reforça, que portadores de SD não devem desistir dos seus sonhos.

Todas as pessoas com dificuldade de estudar, pegam seus sonhos e vai para a vida

Estudante, Artur Ciríaco, realizando a pré-matricula na UFAL. (Foto: arquivo pessoal/Artur Ciríaco)

É com essa mensagem de esperança e fé, que desejamos todo o sucesso que Artur merece ter.

Siga A Folha Hoje nas Redes Sociais:

Instagram: @afolhahoje;

Página do facebook: A Folha Hoje;




G M Rhaekyrion

Escritora de ficção e fantasia, colunista de site em entretenimento, moda, saúde, beleza e bem-estar. Bióloga por formação, pela Universidade Federal de Alagoas e, eventualmente, faço criticas narratológicas para escritores de ficção.

  

4 Comentários

  1. Clara Maria disse:

    Que coisa mais linda, ele merece.

  2. Jose Artur Ciriaco do Carmo disse:

    Eu Gostei esse Texto que esse Texto eu Emocionei por essas Palavras do Texto e tem pessoas dificuldades de estudos e Aprendiz e eu Adorei esse Texto Mesmo.

  3. Robson disse:

    Uma linda notícia e mais que merecida essa conquista!!

  4. Manuela Cavalcante disse:

    Arthur merece isso e muito mais. Sucessoooo!