Aneel mantém em julho bandeira vermelha 2

A bandeira vermelha 2 é a mais cara das tarifas extras atualmente

Por: Caroline Brito - Jornalista
27/06/2021 às 10:18 - atualizado em 27/06/2021 às 10:18

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou, na última sexta-feira (28), que manterá a bandeira vermelha 2 no mês de julho, em meio a uma seca histórica na região das hidrelétricas.

A bandeira vermelha 2 é a mais cara das tarifas extras atualmente, e representa uma cobrança adicional de R$ 6,24 para cada 100 kWh consumidos. Segundo a Aneel, contudo, esse valor irá mudar e haverá divulgação da atualização na próxima terça-feira, dia 29. A previsão é que o valor cobrado pela agência aumente.

A mudança vem no momento em que os principais reservatórios de água estão num nível crítico em decorrência da falta de chuvas. Esse cenário faz com que seja necessário recorrer a usinas térmicas, que têm um custo maior de geração. O custo é repassado aos consumidores.

Imagem: Divulgação.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News

Caroline Brito
Caroline Brito é jornalista, formada pela Universidade Federal do Ceará, em 2012, e mestra em Planejamento e Políticas Públicas pela UECE. Saiba mais sobre Caroline em seu perfil!