Anvisa autorizou Fiocruz a produzir no Brasil insumo de vacina AstraZeneca

A aprovação, concedida na última sexta-feira (30), aconteceu após inspeção que analisou as boas práticas de fabricação da linha de produção da Fiocruz

Por: Caroline Brito - Jornalista
03/05/2021 às 08:10 - atualizado em 29/05/2021 às 18:09

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu autorização a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para produzir o ingrediente farmacêutico ativo (IFA) da vacina Oxford/AstraZeneca.

A aprovação, concedida na última sexta-feira (30), aconteceu após inspeção que analisou as boas práticas de fabricação da linha de produção da Fiocruz as quais cumprem padrões das Condições Técnico-Operacionais (CTO) para a produção de lotes de IFA.

O IFA é o insumo biológico essencial para a produção de vacinas. Atualmente o Brasil só produz imunizantes por meio da importação de IFAs, principalmente da China.

A previsão é que os lotes das vacinas produzidas com o insumo nacional sejam todos entregues ao SUS. Porém, a validação de todos os processos referentes à produção do IFA nacional só deve ser concluída em julho.

Anvisa

A Fiocruz tem contrato com o Governo para entregar o total de 104,4 milhões de doses de vacinas no 1º semestre e 110 milhões no 2º semestre. Até o momento a Fundação entregou 26,5 milhões de doses da vacina para o Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News

Caroline Brito
Caroline Brito é jornalista, formada pela Universidade Federal do Ceará, em 2012, e mestra em Planejamento e Políticas Públicas pela UECE. Saiba mais sobre Caroline em seu perfil!