Auxílio emergencial será prorrogado mais três meses

O benefício será pago até outubro, quando o governo espera ter concluído a vacinação da população adulta.

Por: Caroline Brito - Jornalista
15/06/2021 às 09:25 - atualizado em 15/06/2021 às 09:25

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou ontem (14) que o pagamento do auxílio emergencial será prorrogado por mais três meses. O benefício será pago até outubro, quando o governo espera ter concluído a vacinação da população adulta.

Guedes disse que a prorrogação por mais três meses tem aval da equipe econômica. Porém, o anúncio sobre a nova rodada será feito pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da Cidadania, João Roma.

A ideia é que a prorrogação seja uma continuidade do benefício e, dessa forma, os valores devem ser mantidos. Atualmente, o auxílio emergencial é de R$ 150 a R$ 375, dependendo da configuração familiar.

Auxílio Emergencial. Imagem: Divulgação.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News

Caroline Brito
Caroline Brito é jornalista, formada pela Universidade Federal do Ceará, em 2012, e mestra em Planejamento e Políticas Públicas pela UECE. Saiba mais sobre Caroline em seu perfil!