Caso Mari Ferrer: Justiça absolve André Aranha da acusação de estupro

Para Mariana, ainda cabe recurso em instâncias superiores, como o Superior Tribunal de Justiça (STJ)

Por: Fredson Navarro - Jornalista
07/10/2021 às 18:33 - atualizado em 07/10/2021 às 18:38

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

Nesta quinta-feira o Tribunal de Justiça de Santa Catarina absolveu, por 3 votos a 0, o empresário André Camargo Aranha, acusado de estuprar Mariana Ferrer em beach club de Florianópolis em 2018.

Os desembargadores que analisaram e votaram pela absolvição de André foram Ana Lia Carneiro, Ariovaldo da Silva e Paulo Sartorato – que entenderam que a acusação não apresentou provas suficientes que caracterizassem o crime.

Mari usou suas redes sociais para denunciar o estupro que sofreu após ser dopada em dezembro de 2018, quando tinha 21 anos. O acusado, André de Camargo Aranha, de 43 anos, foi indiciado pela Polícia Civil em 2019 por estupro de vulnerável.

Os exames provaram que houve conjunção carnal, ou seja, introdução completa ou incompleta do pênis na vagina, ruptura do hímen de Mariana e ainda identificaram sêmen de André em sua calcinha – ainda que ele afirme que nunca teve contato físico com ela.

Abaixo-assinado ‘Justiça por Mari Ferrer’ bate 4,4 milhões de assinaturas

Caso Mari Ferrer
Caso Mari Ferrer (imagem: divulgação)

Um abaixo-assinado na plataforma Change.org pedindo justiça no caso da influenciadora Mari Ferrer bateu 4,4 milhões de assinaturas nesta quinta-feira.

A petição é a terceira maior da história do site no Brasil desde 2012, atrás apenas de dois abaixo-assinados sobre desmatamento e queimadas na Amazônia. Com a proximidade do novo julgamento, foram 6 mil novas assinaturas na última semana.

Leia também:  Irmã do rapper Criolo morre, aos 39 anos, vítima da Covid-19

No ano passado, o vídeo do julgamento revelado pelo “Intercept” gerou revolta por mostrar a jovem sendo agredida verbalmente e humilhada pelo advogado de defesa do empresário André de Camargo Aranha, acusado pelo crime. Ele foi absolvido pela Justiça catarinense na primeira instância em setembro de 2020.

Justiça absolve o empresário André Camargo
Justiça absolve o empresário André Camargo (imagem: divulgação)

A 1ª Câmara Criminal do TJ-SC vai analisar, nesta quinta, um recurso do advogado da influenciadora depois de o juiz Rudson Marcos aceitar a argumentação da defesa e do MP local de que não houve dolo na ação de Aranha.

O caso corre em segredo de Justiça, mas veio a público quando Mari compartilhou um relato em suas redes sociais, em maio de 2019. Ela afirma ter sido dopada em uma festa no Café de La Musique, em Florianópolis, e depois estuprada.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News
Fredson Navarro

Fredson Navarro
Fredson Navarro é jornalista, formado em 2005 pela Universidade Tiradentes. Atua no mercado sergipano há mais de 15 anos. Saiba mais sobre Fredson em seu perfil!