Comércio ambulante ganha regularização em SP

A partir de agora, o comércio ambulante na capital paulista está liberado. Para isso, basta solicitar autorização no site; veja como funciona

Por: Gabriel Brolli - Jornalista
28/06/2021 às 10:52 - atualizado em 28/06/2021 às 10:52

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

Pela primeira vez, o comércio ambulante ganhou regularização em São Paulo. Assim, a partir do último sábado (26), a prefeitura de capital paulista passou a regulamentar esse tipo de atividade.

Além disso, a cidade também reconheceu outras cerca de 40 atividades em diversas vias da capital. Então, vendedores que usam carrinhos, bicicleta ou carro já podem solicitar as suas autorizações.

Antes, comércio ambulante podia atuar somente em ponto fixo (e sob permissão municipal).

Comércio ambulante ganha regularização em SP
(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Dessa forma, a prefeitura espera que mais trabalhadores atuem formalmente nas ruas de São Paulo. Todos os requerimentos podem ser feitos de maneira online, por meio do sistema “Tô Legal!”. O valor da nova autorização varia de acordo com horário e região, mas ela segue um valor base de R$ 11,34 por dia.

A partir de agora, a venda ambulante está autorizada a atuar na capital paulista. Isso inclui desde o comércio de ovos até de artesanato, se feito de maneira itinerante. O comércio de porta em porta pode funcionar em cerca de 70% da cidade, porque existem algumas restrições quanto a regiões com grande fluxo de comércio regular.

Mas, basta estar atento ao site e políticas. Todas as ruas proibidas têm sinalização na solicitação de autorização.

Com informações da Agência Brasil.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News

Gabriel Brolli
Gabriel Brolli é jornalista. Com experiência em tradução, redação e produção de conteúdo para redes sociais, já colaborou para grandes veículos de comunicação. Saiba mais sobre Gabriel em seu perfil!