Ministro da Economia diz que governo deve prorrogar auxílio emergencial

Paulo Guedes adiantou notícia em reunião com empresários.

Por: Marina Fontenele - Jornalista
23/06/2021 às 18:04 - atualizado em 23/06/2021 às 18:04

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira (23) que o presidente da República Jair Bolsonaro deve anunciar, em breve, a prorrogação do auxílio emergencial por mais três meses.

Guedes adiantou a notícia durante encontro com empresários da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). “O presidente deve anunciar, talvez ainda nesta semana, mais três meses de auxílio [emergencial]”, disse Guedes.

Paulo Guedes adiantou notícia sobre auxílio emergencial (Foto: Edu Andrade/Ministério da Economia)

O ministro também ressaltou o trabalho do governo, em parceria com os empresários, para enfrentar a crise ocasionada pela pandemia de Covid-19. Ele disse que neste momento em que a população está sendo vacinada, a recuperação econômica em V já aconteceu, com a criação de 1 milhão de empregos nos últimos quatro meses do ano passado, totalizando 140 mil empregos formais em 2020.

“É a primeira vez que houve uma recessão com a criação de empregos formais. Neste ano já criamos 960 mil empregos. O Brasil está transformando, com sucesso, o que era uma recuperação cíclica, baseada em consumo, em retomada do crescimento sustentável, com base em investimentos que estão aumentando”, disse o ministro.

*Com informações da Agência Brasil

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News
Marina Fontenele

Marina Fontenele
É jornalista, graduada pela Universidade Tiradentes em 2009 e possui MBA em Comunicação. Já passou pelo G1, Jornal Cinform, Sebrae e TJSE. Saiba mais sobre Marina em seu perfil!