Ministro Ricardo Salles é alvo de operação da Polícia Federal

STF determinou que, além das buscas, sejam afastados preventivamente 10 agentes públicos no Ibama e no Ministério do Meio Ambiente

Por: Caroline Brito - Jornalista
19/05/2021 às 08:34 - atualizado em 29/05/2021 às 17:07

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles é alvo de operação da Polícia Federal, que cumpre mandados de busca e apreensão em locais ligados ao ministro.

Denominada Operação Akuanduba, ela está nas ruas do Distrito Federal, São Paulo e no Pará, apurando possíveis crimes contra a administração pública praticados por agentes públicos e empresários do ramo madeireiro. 

A operação foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes.

O STF determinou que, além das buscas, sejam afastados preventivamente 10 agentes públicos que ocupam cargos e funções de confiança no Ibama e no Ministério do Meio Ambiente.

Ricardo Salles. Imagem: Divulgação.

Também foi determinada a suspensão imediata de um despacho emitido em fevereiro de 2020, que permitiu a exportação de produtos florestais para Europa e Estados Unidos sem a necessidade de emissão de autorização de exportação.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News

Caroline Brito
Caroline Brito é jornalista, formada pela Universidade Federal do Ceará, em 2012, e mestra em Planejamento e Políticas Públicas pela UECE. Saiba mais sobre Caroline em seu perfil!