Primeiro ano do mandato de Ricardo Marques foi marcado por prestação de serviços e atenção ao povo aracajuano

O parlamentar apresentou 14 Projetos de Leis, entre eles destacam-se o  da Liberdade Econômica e o estatuto da Desburocratização que visam melhorar o ambiente de negócios e aumentar a geração de empregos

Por: Fredson Navarro - Jornalista
30/12/2021 às 05:47 - atualizado em 30/12/2021 às 05:47

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) encerra o primeiro ano do seu mandato comemorando o trabalho realizado em Aracaju. O parlamentar apresentou 14 Projetos de Leis, entre eles destacam-se o  da Liberdade Econômica e o estatuto da Desburocratização que visam melhorar o ambiente de negócios e aumentar a geração de empregos. Além do trabalho legislativo, Ricardo Marques não limitou sua atuação ao gabinete, desde o primeiro dia de 2021 preferiu estar perto do povo, na rua e conhecendo os problemas de cada comunidade e buscando soluções junto ao poder público.

Atendendo aos pedidos dos aracajuanos, protocolou dezenas de requerimentos pedindo respostas aos órgãos competentes sobre paralisação de obras, problemas em infraestrutura, moradia, falta de saneamento básico e sempre pedindo melhorias no transporte público e na pasta da saúde. Ainda no primeiro semestre realizou uma audiência pública em que sugeriu medidas para o sistema público nessa época de pandemia, algumas sugestões foram acatadas e colocadas em prática pela prefeitura de Aracaju.

Na Câmara Municipal de Aracaju, acompanhou de perto as audiências sobre a revisão do Plano Diretor e a todo instante buscou entender e sugerir melhorias na revisão do principal plano que organiza o desenvolvimento da cidade, no parlamento defendeu emendas impositivas para o Plano Plurianual e ficou atento ao Projeto de Lei Orçamentária Anual enviado pelo Executivo.

“As emendas que apresentei versam sobre as principais bandeiras do meu mandato com a defesa da melhor mobilidade urbana, melhorias no transporte público, transparência e boa gestão dos recursos públicos, economia e empreendedorismo, crianças especiais e idosos, além de educação e valorização dos profissionais da educação e da saúde”, explica Ricardo Marques.

Leia também:  Violinista Horácio Chagas viaja o Nordeste para apresentar sua arte como fonte de renda

A atuação de Ricardo Marques foi marcante desde o início do ano quando criou a ‘Rota da Gratidão’ e foi conhecer de perto cada região de Aracaju e os seus eleitores que lhe confiaram 2501 votos na eleição passada.

Em maio, incêndios foram registrados nos Hospitais Nestor Piva e Fernando Franco, pacientes que se tratavam contra a Covid-19 infelizmente vieram a óbito, o vereador esteve presente desde os primeiros minutos e deu apoio aos familiares, pacientes e funcionários. Utilizou-se do seu mandato para buscar respostas e explicações dos órgãos, e descobriu que o Nestor Piva estava em débito com as certidões junto ao Corpo de Bombeiros e em desacordo com o plano de emergência para incêndio. Atento a essa problemática e com receio de sua repetição, apresentou o Projeto de Lei que pede a obrigatoriedade de brigadistas e bombeiros civis em espaços públicos e privados para garantir a segurança da população. Essa PL foi votada em primeira discussão e aprovada por unanimidade na Câmara dos vereadores de Aracaju.

Ainda no primeiro semestre, o vereador esteve visitando a construção da UBS Niceu Dantas localizada na zona de expansão e constatou o atraso e a paralisação da obra, o parlamentar redigiu ofícios, requerimentos e indicações pedindo explicações e buscando respostas, após alguns meses de investigação, descobriu que o principal motivo da paralisação da obra era a falta de recursos, informação essa que não condizia com a informação do Ministério ds saúde que havia confirmado o envio do recurso. O vereador não contente com a reposta,  continuou cobrando e acompanhando de perto, até que no mês de novembro foi chamado pelos moradores da localidade que atestaram o reinício das obras que poderá ser entregue no romeiro semestre de 2022.

Leia também:  Projeto ‘Caminhos para o interior sergipano’ será lançado nesta quinta-feira

Em setembro, o Ministério Público Federal (MPF) divulgou que processou criminalmente sete pessoas, entre funcionários da Prefeitura de Aracaju e empresários, por fraude na licitação e desvios de recursos públicos na construção e manutenção do Hospital de Campanha e logo o vereador que é atuante na fiscalização nos investimentos dos recursos públicos acompanhou o caso de perto, lamentou a situação e pediu explicações a Prefeitura de Aracaju.

E as denúncias não pararam por aí: Hospitais ficaram superlotados; pacientes enfrentaram grandes filas em busca de leitos de UTI; servidor da Secretária da Saúde de Aracaju foi apontado como suspeito de transferir cerca de R$ 200 mil do Fundo Municipal de Saúde, para sua conta pessoal, além dos transtornos com a falta de abertura de leitos de UTI no auge da pandemia. Ricardo Marques não perdeu tempo e pediu a abertura da CPI da Covid para investigar todos os problemas e investimento do recurso do Governo Federal para combater a pandemia em Aracaju.

Em novembro, o parlamentar levou à tona um grave problema: devido à falta de manutenção nas Câmaras Frias das Unidades Básicas de Saúde, centenas de vacinas rotineiras e vacinas contra a Covid-19 foram perdidas e a repercussão foi grande na mídia sergipana. A Secretaria da Saúde confirmou a informação e o parlamentar comprometeu-se em acompanhar de perto essa situação.

O vereador afirma que “Foi um ano de muito aprendizado e de novos desafios, alguns tropeços no caminho dessa nova missão, mas entendo que até mesmo os erros podem nos ensinar algo de valioso, o meu objetivo para o próximo ano é continuar trabalhando diuturnamente para honrar os votos que me foram cedidos e trabalhar sempre em prol do povo e para o povo”.

Leia também:  Defesa Civil tenta fazer retirada do avião e de corpo do piloto que morreu

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News
Fredson Navarro

Fredson Navarro
Fredson Navarro é jornalista, formado em 2005 pela Universidade Tiradentes. Atua no mercado sergipano há mais de 15 anos. Saiba mais sobre Fredson em seu perfil!