25 de Junho de 2019, atualizado ás 21:06

Por que assistir o documentário “Democracia em Vertigem” na Netflix?



Por: | Entretenimento

Compartilhar:
         

Dia 19 de Junho foi estreia do documentário produzido pela Netflix intitulado “Democracia em Vertigem”. Ele foi produzido pela cineastra Petra Costa, e mostra vários eventos da política brasileira, desde Lula como presidente à Jair Bolsonaro.

No entanto, o ponto chave desse longa é mostrar como a democracia brasileira começou a entrar em colapso em 2016. Visto que foi o ano impeachment sofrido por Dilma Rousseff, onde muitos consideram um golpe, culminando em Jair Bolsonaro presidente.

Cartaz do documentário “Democracia em vertigem” que está na Netflix (Imagem: Site Netflix)

Vários registros muito importantes estão nesse documentário, com por exemplo Dilma pós impeachment, Bolsonaro ainda como deputado, Lula se entregando a Polícia Federal.

Assista o trailer oficial do longa

No início do trailer, a documentarista Petra diz que ela e a democracia tem praticamente a mesma idade, um pouco mais de 30 anos. Ela trás memórias pessoais quanto a eleição de Lula, como as pessoas ficaram eufóricas com aquele passo para a democracia.

Contudo, após a queda da presidente Dilma, o Brasil se dividiu. Ondas de violência, intolerância, pedidos de “Volta a ditadura” encheram as ruas. Além de muitos políticos terem sido presos na Lava a Jato, operação anti-corrupção, inclusive o ex presidente Lula.

O documentário “Democracia em vertigem” está disponível na Netflix (Imagem: Site adoro cinema)

O vídeo, que pode ser visto nesse link, se encerra com a seguinte frase:

Eu temo que nossa democracia tenha sido apenas um sonho efêmero”

Ou seja, para Petra com esses movimentos pela volta da ditadura, e até mesmo da monarquia, mostra que a democracia brasileira é muito mais frágil do que se imaginava. Por isso assistam e formem suas próprias opiniões.

Leia também: Nubank, dez vantagens que faz desse Cartão o preferido dos brasileiros!

Consulte a situação do seu CPF pelo site do SERASA!


Juliana Seixas