Presidente Bolsonaro presta condolências aos familiares das vítimas de massacre em Suzano (foto: internet)
Presidente Bolsonaro presta condolências aos familiares das vítimas de massacre em Suzano (foto: internet)

Receba Mais notícias como essa – Clique Aqui!

Presidente Bolsonaro presta condolências aos familiares das vítimas de massacre em Suzano – SP, que aconteceu na manhã desta última quarta-feira (13/03). Segundo o Chefe de Estado, o atentado à escola foi uma verdadeira “monstruosidade e covardia”.


RELACIONADAS



Além de Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão também prestou condolências aos familiares. Ambos mostram o apoio através das redes sociais e as suas publicações receberam vários comentários relacionados ao atentado.

Loading...

Condolências de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro prestou suas condolências aos familiares do massacre da escola em Suzano (SP) através de uma publicação no seu perfil oficial do Twitter. Bolsonaro classificou o crime como uma covardia e monstruosidade sem tamanho.

A declaração foi “Presto minhas condolências aos familiares das vítimas do desumano atentado ocorrido hoje na Escola Professor Raul Brasil, em Suzano, São Paulo. Uma monstruosidade e covardia sem tamanho. Que Deus conforte o coração de todos!”

Loading...

Cerca de 30 minutos antes da publicação de Bolsonaro, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, também publicou o pesar aos familiares através da divulgação de uma nota à imprensa. Além de classificar o ato como uma “desumana ação”, o órgão ofereceu sua ajuda ao Estado de São Paulo.

Presidente Bolsonaro presta condolências aos familiares das vítimas de massacre em Suzano (foto: internet)
Presidente Bolsonaro presta condolências aos familiares das vítimas de massacre em Suzano (foto: internet)

Leia também

Brasil assume a presidência do BRICS durante governo de Bolsonaro

Presidente Bolsonaro publica falsa declaração de repórter e ataca imprensa

Loading...

Declaração de Mourão

O vice-presidente do país, General Mourão, também declarou estar entristecido e prestou condolências a todos os familiares do atentado. Durante entrevista com a imprensa Mourão afirmou que, esses crimes começaram a ocorrer com mais frequência em todo o país, por isso deve ser averiguado de maneira correta.

Questionado sobre a relação do atentado com a política de flexibilização de porte de armas, o vice-presidente foi direto ao declarar que não deveria haver associação, mas era inevitável que esse ponto fosse levantado.

Também não quis comentar a polêmica afirmação do senador Major Olímpio de que o crime teria sido evitado se os professores estivessem armados. Na verdade, o vice-presidente acredita que o culpado dessas atitudes são os jogos violentos que os jovens jogam e citou como exemplo os seus próprios netos.

Flávio Bolsonaro critica política de desarmamento

Antes do presidente Jair Bolsonaro publicar o seu tuíte, o senador Flávio Bolsonaro também prestou condolências através do seu Twitter. Na sua publicação ele diz “ meus sentimentos a todos os familiares das vítimas covardemente assassinadas no colégio em Suzano”

Ainda na publicação, o senador afirma que essa foi mais uma tragédia que ocorreu devido ao fracasso da atual política de desarmamento que ainda está em vigor no país.

Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui