-Publicidade-

Rampa do Palácio do Planalto é atacada com tinta vermelha

O ataque contra o prédio do Palácio do Planalto, tombado como patrimônio da humanidade, configura vandalismo. O autor do ataque foi levado pela PF.

-Publicidade-

Nesta segunda-feira, 08 de junho, foi jogada tinta vermelha em frente ao Palácio do Planalto, na direção a rampa, a qual é utilizada por autoridades em eventos oficiais. Entretanto, funcionários da limpeza foram contactados para retirar a tinta.

O local onde trabalha o presidente Jair Bolsonaro, é a sede do governo Federal. O prédio do palácio integra o conjunto arquitetônico de Brasília, que foi tombada como patrimônio da humanidade pela Unesco. Portanto, o ataque configura vandalismo.

Além disso, segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, o indivíduo que jogou a tinta foi detido pela Polícia Federal. O presidente encontrava-se no prédio quando os funcionários realizavam a limpeza.

Mais sobre o ataque ao Palácio do Planalto

-Publicidade-

Rampa do Palácio do Planalto é atacada com tinta vermelha
Rampa do Palácio do Planalto é atacada com tinta vermelha – Foto: Brasília de Fato

Atualmente uma cerca móvel separa o Palácio do Planalto e a rua. Com isso, a tinta foi jogada de local próximo da cerca. Tendo em vista que a cerca passou a ser utilizada, realizando esta separação, em decorrência da intensificação das manifestações de rua.

Inclusive, no domingo (07), Brasília passou por um dia de manifestações políticas. No qual dois atos aconteceram pacificamente, um referente a pessoas contrárias ao governo, e outro, em menor proporção, de apoiadores ao governo de Jair Bolsonaro.

-Publicidade-

Entre as insatisfações do grupo contra o governo, encontrava-se a condução no tocante a pandemia do Novo Coronavírus. Visto que no final de semana o governo modificou a forma de divulgação dos dados referentes ao número de mortos pela COVID-19.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade e nossos termos de uso Aceitar Ler Política