Erva-cidreira: indicação e benefícios

Erva cidreira é uma planta com poderes medicinais, possui benefícios relacionados ao sistema digestivo e sistema nervoso. Confira!

Por: Josebel Pacheco - Nutricionista
13/05/2021 às 20:09 - atualizado em 13/05/2021 às 22:34

Compartilhe: faceboook twitter whatsapp
Erva-cidreira

A erva-cidreira também conhecida como cidreira-verdadeira. Uma planta originária da Ásia, ela é rasteira e tem as folhas semelhantes com a hortelã.

Tem dois tipos de erva-cidreira, a brasileira presente na América do Sul, é um arbusto com flores roxas. Já o capim-cidreira é bem mais comum e fácil de ser encontrada, possui caule e folhas estreitas e compridas. Sabor forte de limão.

Abaixo explicaremos melhor, as propriedades e efeitos benéficos da erva-cidreira.

Benefícios da erva-cidreira

O principal objetivo da erva-cidreira, conhecido popularmente é seus efeitos calmantes, mas ela é uma erva que vai muito além disso. Confira os benefícios!

Reduz o estresse

A erva-cidreira participa da redução do estresse devido a presença do ácido rosmarínico, que trabalha aumentando a atividade dos neurotransmissores responsáveis pelo relaxamento do corpo.

Deste modo, aumenta a sensação de bem-estar e tranquilidade, diminuindo os sintomas de agitação causados pelo estresse.

Melhora os sintomas da ansiedade

O chá de erva-cidreira juntamente com os tratamentos terapêuticos adequados, também participa do controle da ansiedade, melhorando o humor e por consequência tem efeito positivo sobre a ansiedade.

Esse efeito sobre a ansiedade, pode ajudar a controlar o consumo alimentar, diminuindo o sobrepeso. Devido a compulsão estar vinculada a ansiedade aumentada.

Auxilia nas funções cognitivas

Existem estudo que comprovam que a utilização da erva-cidreira no dia a dia, melhora as funções cognitivas e proporciona maior clareza mental.

Além disso, melhora muito a concentração e o desempenho em tarefas escolares que exigem maior atenção, como matemática.

Alivia a insônia

A erva-cidreira devido  suas propriedades tranquilizantes, auxilia a reduzir a agitação e melhora a inquietação referente aos distúrbios do sono, como a insônia, por exemplo.

Ainda assim, não há muitos estudos, então seria necessário mais pesquisas para validar as descobertas.

Melhora a digestão

Devido seu poder sedativo a erva cidreira consegue promover melhora nos sintomas gástricos, melhorando a digestão.

Bem como, possui efeito sobre os gases, reduzindo o desconforto abdominal. Provavelmente esse efeito positivo sobre os gases se dê pela capacidade de relaxamento de tecidos.

Combate as náuseas

Além dos potenciais benefícios no sistema digestivo, a erva ainda consegue aliviar a sensações das náuseas. Uma erva muito útil no tratamento dos sintomas gastrointestinais.

Reduz as cólicas menstruais

Devido a erva-cidreira conter um óleo essencial chamado citral, que tem efeito antiespasmódico e carminativo.

Nesse sentido, a produção dessas substâncias aumenta a contração do intestino, aliviando a cólica menstrual.

Combate a dor de cabeça

Muitas vezes a dor de cabeça está vinculada a tenção e contração dos músculos. A erva-cidreira auxilia no combate da dor de cabeça, justamente por ser relaxante diminuindo a contração dos músculos.

Além disso, a erva-cidreira é anti-inflamatória devido a ação antioxidante, combatendo as inflamações.

Indicações de uso

A recomendação de uso do chá de erva-cidreira é diária para usufruir das propriedades ansiolíticas, de forma a equilibrar o organismo.

Porém, o ideal é ingerir no máximo 3 xícaras do chá por dia, sem utilizar quantidades acima de 12 gramas da erva.

Como preparar o chá de erva-cidreira

Fácil de preparar, leva apenas 5 minutos e rende 1 porção.

INGREDIENTES:

1 colher de sopa de erva-cidreira

2 rodelas de limão taiti

1 Rodela fina de gengibre

Preferencialmente não utilizar açúcar.

MODO DE PREPARO:

Deixe a água ferver e coloque a erva-cidreira, fazendo a infusão;

Em uma xícara coloque as rodelas de limão e gengibre;

Misture tudo e deixe agir por 5 minutos.

Contraindicação da erva-cidreira

As contraindicações são referentes a grupos de pessoas, gestantes não devem utilizas, assim como lactantes e crianças menores de 12 anos.

Assim também, pessoas que são hipotensas e com hipotireoidismo não devem consumir o chá de erva-cidreira, nem pessoas que estejam utilizando medicamentos calmantes e sedativos.

Efeitos colaterais da erva-cidreira

Os efeitos colaterais estão relacionados a queda da pressão devido ela causar leve dilatação dos vasos sanguíneos e muita sonolência, por conta de seu poder calmante e sedativo.

Por isso, você deve evitar utilizar em momento que já esteja sonolento ou com sintomas de pressão baixa.

Referências:

SANTOS, Ana Paula Gomes dos; OLIVEIRA, Amanda Santana de; OLIVEIRA, Vania Jesus dos Santos de. Uso e eficácia da erva cidreira, um comparativo entre conhecimento científico e senso comum: metassíntese. Journal of Biology & Pharmacy and Agricultural Management, v. 14, nº 2, 2018.

Dúvidas, critícas e sugestões? Fale com a gente
Acompanhe a Folha Hoje nas Redes! faceboook twitter youtube instagram Google News
Josebel Pacheco

Josebel Pacheco
Josebel Pacheco, nutricionista formada pela Unisinos, com registro do Conselho Regional de Nutricionista-CRN2: 12962. Saiba mais sobre Josebel em seu perfil!