Nesta segunda-feira (04), os advogados de Sérgio Moro, declararam ao Supremo Tribunal Federal –STF, que abrem mão do sigilo do depoimento prestado por Moro.  A oitiva foi realizada à Polícia Federal no último sábado (02/05). A posição da defesa objetiva evitar interpretações fora de contexto.

Inicialmente, o depoimento do ex-ministro da Justiça foi tomado em decorrência do inquérito que investiga possível tentativa de interferência política de Jair Bolsonaro na Polícia Federal. Tendo em vista declarações públicas anteriormente realizadas por Sérgio Moro.


RELACIONADAS



Portanto, através de documento encaminhado ao STF, a defesa de Moro afirma que “não se opõe à publicidade dos atos praticados nestes autos”. Referindo-se ao depoimento e a medidas posteriormente aplicadas.

Loading...

De acordo com os advogados, o objetivo de tal posicionamento seria para evitar a publicidade de “trechos isolados”. Com “interpretações dissociadas de todo o contexto das declarações”. Além disso, a defesa de Sérgio Moro afirma que todos os “fatos relevantes” da investigação são de interesse público.

Saiba mais sobre o posicionamento da defesa de Sérgio Moro

Sobre o depoimento de Moro à PF, defesa autoriza divulgação
Sobre o depoimento de Moro à PF, defesa autoriza divulgação – Foto: redeGN

“[…] Considerando que a imprensa, no exercício do seu legítimo e democrático papel de informar a sociedade, vem divulgando trechos isolados do depoimento prestado pelo Requerente em data de 02 de maio de 2020, esta Defesa, com intuito de evitar interpretações dissociadas de todo o contexto das declarações e garantindo o direito constitucional de informação integral dos fatos relevantes – todos eles de interesse público – objeto do presente Inquérito, não se opõe à publicidade dos atos praticados nestes autos, inclusive no tocante ao teor”, afirmam os advogados, no instrumento textual encaminhado ao Supremo.

Loading...

No sábado, 02 de maio, Sérgio Moro prestou depoimento à Polícia Federal em Curitiba, num período de mais de 08 horas. De acordo com informações apuradas pela TV Globo, Moro confirmou provas que já havia apresentado sobre a possível tentativa de interferência de Bolsonaro na PF. Bem como, entregou novos documentos.

Contudo, ainda não há confirmação de que o Supremo Tribunal Federal tenha recebido o depoimento de Sérgio Moro.

Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui