-Publicidade-

SP: governador Doria anuncia prorrogação da quarentena até dia dez

Governador anunciou em coletiva nesta sexta-feira (17) que irá prorrogar a quarentena para ajudar a conter os casos de coronavírus no estado de São Paulo.

-Publicidade-

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou em coletiva nesta sexta-feira (17) o aumento do período da quarentena no estado até 10 de maio. A coletiva contou com a presença do prefeito Bruno Covas, do infectologista David Uip e do secretário de Saúde José Henrique Germann.

Além disso, Doria também expressou sua opinião sobre a reabertura do comércio, citando os acontecimentos em Milão, na Itália, onde protestos traziam a mensagem “Milano Non Si Ferma” (Milão Não Se Fecha). Porém, a situação fugiu do controle, acarretando mais de 6 mil mortes na cidade.

Sobre a quarentena, Doria voltou a incentivar o isolamento como medida de prevenção mais eficaz contra o coronavírus. Atualmente, o índice de isolamento no estado está na média de 50%, e espera chegar a 60% nos próximos meses.

Casos em São Paulo estão dentro do previsto e novo pico da epidemia é alertado

-Publicidade-

Coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (17) sobre a quarentena no estado de São Paulo - foto: reprodução
Coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (17) sobre a quarentena no estado de São Paulo – foto: reprodução

Anteriormente, na última quinta-feira (16), o novo levantamento da Secretaria Estadual de Saúde revela que o estado de São Paulo possui 11.568 casos confirmados da doença e 853 mortes relacionadas ao coronavírus (COVID-19).

Contudo, na entrevista, David Uip ressaltou os acontecimentos em outros países, para reforçar as medidas de quarentena que estão sendo tomadas no estado. O infectologista falou também sobre o novo pico, que agora é esperado para maio.

-Publicidade-

Além disso, o prefeito Bruno Covas também respondeu em entrevista sobre a recomendação do Ministério Público para o uso de máscaras na cidade de São Paulo:

“não é nenhuma advertência, nenhuma multa, nenhuma penalização pra quem não estiver utilizando máscaras, apenas uma recomendação. E a gente espera que a população possa utilizar para, mais uma vez, ajudar a conter a disseminação do vírus aqui na cidade.”

A próxima coletiva será realizada na próxima quarta-feira (22), sendo o próximo encontro com o governo do estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar sua navegação. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade e nossos termos de uso Aceitar Ler Política