09 de Maio de 2019, atualizado ás 16:05

Temer é preso pela segunda vez após acusação de corrupção



Por: Raquel Luciano | Política

Compartilhar:
         

O ex-presidente Michel Temer é preso pela segunda vez depois que o Ministério Público emitiu um mandado de prisão contra ele após acusações de corrupção e lavagem de dinheiro.

Apesar da defesa achar a prisão arbitrária e sem sentido, no começo da tarde, Temer se entregou a PF de São Paulo, e os advogados pediram que ele ficasse na cidade, apesar do processo ser do juizado do Rio de Janeiro.

Siga A Folha Hoje no Google News – Clique Aqui!

Temer é preso pela segunda vez após acusação de corrupção (Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena)

O ex-presidente é alvo de investigação por suspeita de recebimento de propina da construtora Engevix, em troca de contratos na execução da construção da usina.

Além de Temer, o coronel João Baptista Lima, também investigado neste caso, deixou sua residência por volta das 16h desta quinta-feira, e ficará preso na PF de SP, onde responde pelo mesmo crime de Temer.


Raquel Luciano

Jornalista com experiência na produção de conteúdo para diversos canais de informação espalhados pelo Brasil. E-mail: rachell.luciano@gmail.com

     

0 Comentários