Trump diz que irá proibir o TikTok dos EUA, enquanto Microsoft negocia sua compra!



Durante sua viagem no Air For One o presidente americano, Donald Trump, disse que irá banir o Tik Tok dos Estados Unidos.
Juliana Seixas - 01 de Agosto de 2020 às 08:34:11

O presidente americano, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira (31) que irá banir a rede social TikTok dos Estados Unidos. Segundo ele a plataforma de compartilhamento pode se barrada a partir deste sábado seja por ordem executiva, ou seja, pelo uso de poderes econômicos de emergência. Isso de acordo com o site CNBC.

Além disso, Trump mostra preocupação em relação a defesa nacional. Enquanto viajava no avião presidencial, Air Force One, ele deu uma entrevista a repórteres presentes. O presidente declarou:

“No que diz respeito ao TikTok nós estamos banindo-os dos Estados Unidos. Bem, eu tenho essa autoridade, eu posso fazer isso com uma ordem executiva ou com isso”. (se referindo aos poderes econômicos de emergência).

RELACIONADAS



Trump afirma que não apoia nenhuma empresa americana a comprar as operações da TikTok nos EUA. Essa fala foi tomada após um relatório anterior dizer que a empresa Microsoft estava em fase de negociação para adquirir a plataforma.

Mas o que levanta a preocupação das autoridades do mundo todo e principalmente dos EUA é a sua potencial ameaça à segurança. As alegações são de que o governo chines está usando a tecnologia para espionar cidadãos.

TikTok é uma febre em todo o mundo!
Presidente americano, Donald Trump, quer banir o TikTok dos EUA.

Mas antes de conferir mais detalhes sobre o assunto, recomendamos que acesse a guia de notícias e clique no botão azul Criar alerta. Assim você ficará informado sobre todas as notícias do Brasil e do Mundo.

Estima-se que cerca de 80 milhões de usuários americanos estão usando o aplicativo. O aplicativo que virou febre mundial entre os jovens e hoje tem cerca de 800 milhões de usuários em todo o mundo. A empresa pertence à ByteDance que está localizada na china.

Além de ser um aplicativo gratuito acabou ganhando adeptos por ser tornar uma versão menor do YouTube. Para aqueles que o utilizam, é possível editar seus vídeos de até um minuto com vários filtros de imagem e sons.

Existe também a possibilidade de fazer clipes curtos, seja de uma cena de filme ou série, permitindo o usuário a sincronizar os lábios de acordo com que está sendo passado. Você também poderá ter seguidores e desbloquear algumas funções.

Caso você tenha mil seguidores já poderá fazer transmissões ao vivo e receber presentes digitais, esses podem ser trocados por dinheiro. Por fim, outra possibilidade é a troca de mensagens entre os usuários.

VEJA TAMBÉM



Postado por: Juliana Seixas
Sou Engenheira de Materiais, professora de Inglês e Francês e escrevo para o site A Folha Hoje.