24 de Setembro de 2018, atualizado ás 11:09

Última refeição, quais os melhores alimentos e o porquê?



Por: | Beleza

Compartilhar:
         

Uma das maiores dúvidas e preocupações é a última refeição antes de dormir, para que esse alimento possa agir com eficácia oferendo um resultado estético acelerado. Ao entrar em repouso (sono), especificamente na quinta fase conhecida como sono REM, acontece a manutenção muscular e hormonal bem aprofundada, porém para aproveitar esse período de acordo com o objetivo estético que segue, precisa ingerir o alimento específico para o organismo trabalhar com eficiência durante o sono ao seu favor.

Última refeição, quais os melhores alimentos e o porquê? (imagem: reprodução/internet)

Mas o que deve realmente ser ingerido na última refeição?

A maior parte da cicatrização das fibras musculares lesadas durante o treino anaeróbico acontece na quinta fase quando a produção hormonal está em pico máximo, e os aminoácidos originados da quebra proteica alimentar da última refeição são utilizados com mais eficiência originando uma cicatrização acelerada e concluindo a hipertrofia. Uma manutenção hormonal excelente é ocasionada principalmente através da ingestão lipídica da última refeição, sendo responsável por favorecer o pico máximo hormonal no sono REM, como também vai dormir com a porta de queima de gordura ativada e o corpo consumindo gordura corpórea como fonte energética, e acordando “magrinho”.

A importância dos lipídios na alimentação

Se sua alimentação diária não possui lipídios, os hormônios são produzidos, porém em quantidades baixíssimas prejudicando a hipertrofia e a redução de gordura. Já que a proteína é o cargo chefe da manutenção muscular e o lipídio da hormonal, porque a última refeição de alguns só têm carboidratos? Qualquer tipo de carboidrato após absorvido se transformar em açúcar, alguns absorvem rapidamente (frutas, pão integral, cuscuz, etc) e outros lentamente (raízes), pois o ideal é ingerir raízes, mas em pequenas quantidades.

Última refeição, quais os melhores alimentos e o porquê? (imagem: reprodução/internet)

Faça do sono o seu aliado

Para que o sono trabalhe a favor do objetivo sua refeição tem que ser pobre em carboidrato ou dependendo do objetivo zerar na última refeição, rica em proteína e lipídios, desse modo consegue tanto bater a meta de hipertrofia como também reduzir gordura durante o sono. Não adianta começar o dia comendo correto e encerrar o dia comendo errado porque seu resultado não vai ser excelente e por conta disso acha o metabolismo é ruim. O ciclo da alimentação necessita ser perfeito e tudo é seguido conforme com a fisiologia do corpo.




Cleia Santana

  

0 Comentários